Record Rio promove novos cortes

A Record cortou perto de 20 pessoas de seu quadro no Rio na última 6ª feira (22/3), entre elas os repórteres Carlos Ferreira, Cristina Cruz, Felipe Guedes e Leonardo Sales, citados por Patrícia Kogut em sua coluna no Globo. Também foram cortados os cargos de editores de texto, editores de imagem e produtores. Os funcionários fizeram manifestação na sede da empresa, em Benfica, e distribuíram uma carta aberta, que foi enviada a deputados estaduais e federais. Representantes dos sindicatos dos Jornalistas e dos Radialistas denunciaram o fato ao Ministério Público por considerá-lo “dispensa em massa” e devem ser abertos dois inquéritos. Desde o início do ano têm ocorrido demissões, atrasos no pagamento de salários e cancelamento de férias agendadas. Outro que saiu, mas a pedido, foi Júlio Teixeira Rebouças, que desde 2010 era editor do Domingo Espetacular.