Boris Casoy e Band são condenados por ofensa a gari

Reportagem publicada em 20/9 pelo Diário de Pernambuco informou que o apresentador Boris Casoy e a TV Bandeirantes foram condenados por danos morais em ação movida pelo gari José Domingos de Melo.

O caso ganhou notoriedade quando, no final de 2009, Melo concedeu uma rápida entrevista ao Jornal da Band, na época comandado por Boris, desejando Feliz Natal aos telespectadores. Logo após, uma falha técnica fez com que vazasse um áudio em que o jornalista ridicularizava a participação de Melo: “Que merda, dois lixeiros desejando felicidades do alto das suas vassouras. O mais baixo da escala do trabalho”.

O valor inicial do processo era de R$ 21 mil, mas foi corrigido e o pagamento, já feito, chegou a R$ 60 mil. “Sempre acreditei na justiça. Sabia que uma hora ou outra isso iria acontecer”, disse Melo, que segue atuando como gari. “Muitos colegas diziam que era para eu desistir, que não ia dar em nada e que nós, trabalhadores, somos invisíveis perante a sociedade. Mas eu insisti, acreditei no sindicato e na Justiça”.

Segundo ele, com a indenização pagará algumas dívidas, ajudará a mãe que vive em Pernambuco e reformará sua casa. O trabalhador manifestou ainda o desejo de promover um churrasco para os amigos do trabalho. “Nossa profissão é digna e merece respeito como qualquer outra. Não é justo alguém nos tratar com desdém, desmerecendo a atividade que exercemos. Espero que isso sirva de lição”, concluiu.

Atualmente, Boris Casoy comanda o Rede TV News, na Rede TV.

Publicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *