Vortex Media fecha redação em SP

O site Vortex Media anunciou em 6/12 cortes na equipe e o fechamento da redação em São Paulo. A sede de Brasília será mantida. O site, criado pelo jornalista Diego Escosteguy, foi lançado em outubro deste ano.

Segundo informações que circulam no mercado, o motivo para o encerramento das atividades seria divergência com os investidores no que se refere aos custos para a manutenção/funcionamento do site.

No sábado (7/12), Sérgio Spagnuolo, um dos demitidos, afirmou no Twitter que Diego não comunicou os cortes e não esteve em São Paulo para explicar a situação para a equipe: “Entrei no projeto em maio, larguei minha empresa e uma bolsa de consultoria com boa remuneração. (…) Ajudei a montar o projeto do começo: contratações, tecnologia, modelo de negócios, branding, criação do nome. Participei de quase tudo. O cara sequer me telefonou, muito menos apareceu em SP pra falar com a equipe”.

Diego respondeu também no Twitter, explicando que “havia marcado uma viagem para SP para conversar com a equipe e que Leandro Loyola (chefe da redação em São Paulo) explicaria a situação. No entanto, as conversas em Brasília se prolongaram e fiquei até o final da tarde expondo os fatos às pessoas de Brasília”. (Veja+).

Diego Escosteguy revelou a este Portal dos Jornalistas que os diretores da empresa “não receberam os aportes previstos em contrato e estão tomando as providências cabíveis”. O criador do site confirmou os cortes e o fim da redação em São Paulo, mas disse que a equipe “segue forte e numerosa, não procede que cortamos pela metade. Segue sobretudo dedicada a produzir bom jornalismo. Jornalismo independente”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *