Após 21 anos, Paulo Pontes é demitido da Jovem Pan

Paulo Pontes

Paulo Pontes, âncora do Jornal da Manhã, anunciou em 11/10 sua demissão da Jovem Pan, emissora em que esteve por 21 anos, 16 dos quais na bancada do noticioso. De acordo com o jornalista, sua demissão foi motivada por ele não admitir “o radicalismo que se impôs na linha editorial do veículo”.

Em post no Facebook, Pontes criticou ainda a forma como se deu a demissão, e agradeceu a todos que fizeram parte desses anos de trabalho na Jovem Pan.

“Minha ética, meu compromisso com a verdade e com a condição apolítica não me permitiam vender a alma. Isso foi o início do meu fim na Jovem Pan“, acrescentou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *