Patrícia Nobre

Carioca, Patrícia Nobre é filha de goiano e mineira. A irmã é do Mato Grosso do Sul. Casada com gaúcho, cuja mãe é cearense. Sobre a mistura nacional, completou no Instagram: “e eu moro na Bahia (Salvador). Viva o Brasil!”. É formada em Comunicaç&ampamp;atilde;o com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Começou a trajetória profissional como redatora da Rádio Cidade, que pertencia ao Grupo Jornal do Brasil. Em seguida, trabalhou na TV Verdes Mares, afiliada da Rede Globo no Ceará. Na emissora, atuou na reportagem, edição e apresentação do Jornal do Meio Dia.

Em 1998, já em Salvador, começou a apresentar o Jornal da Manhã, onde ficou cinco anos. No ano de 2003, assumiu a bancada do Bahia Meio Dia, onde além de apresentar, Patrícia foi editora-chefe do telejornal.

Outubro de 2011 segundo informação da própria jornalista em seu twitter, ela passou a coordenar as reportagens nacionais da Rede Bahia que são direcionadas a Rede Globo.

Ela explica melhor sua trajetória no jornalismo ela falou num bate-papo exclusivo à jornalista Flávia Figueirêdo do Prime Offer em dezembro de 2013.

“Em primeiro lugar, tenho que agradecer o privilégio de poder morar na Bahia e poder entender um pouquinho da magia dessa terra! Assim que me formei, casei com Giácomo – jornalista Giácomo Mancini – que, na época, trabalhava na TV Globo, no Rio. Ele recebeu uma proposta pra trabalhar na RBS, afiliada da Globo, em Porto Alegre, e aceitou. Moramos 7 meses lá – e eu não trabalhei em TV nesse período – até que ele foi chamado para trabalhar em Fortaleza. Fomos pra lá em outubro de 88, quando comecei no telejornalismo, como repórter da TV Verdes Mares, afiliada da Globo. Fui também apresentadora e editora do jornal local, sempre acumulando as funções com minha grande paixão, que é a reportagem. Foi lá também que comecei a fazer reportagens nacionais. Em agosto de 97, viemos pra TV Bahia. Aqui também comecei como repórter. No ano seguinte, comecei a apresentar o Jornal da Manhã, também acumulando com as reportagens nacionais. E em 2003, fui apresentar o Bahia Meio Dia. Em 2008, deixei as reportagens para ser editora-chefe do Bahia Meio Dia. Até que, em 2011, meu chefe me convidou a assumir o Núcleo de Rede da TV Bahia, responsável pelas reportagens produzidas para a TV Globo. Então agora sou editora-chefe desse Núcleo, além de repórter de rede”.

Como editora-chefe da TV Bahia questionada sobre uma ‘pauta inesquecível’ falou também ao site Brasil Prime: “Todas as que tive o prazer de fazer com Jorge Amado e Zélia Gattai. E, mais recentemente, a cobertura da viagem de Carlinhos Brown a Los Angeles para a cerimônia do Oscar. Nunca imaginei botar os pés no Red Carpet!”.

Continuando a atuar em pautas especiais, em maio de 2014 cobriu o show de Ivete Sangalo em Portugal. Depois a repórter da TV Bahia deu um depoimento exclusivo para o site da emissora contando como foi a cobertura no Rock in Rio Lisboa.

No carnaval de 2016 entrou ao vivo diretamente de Salvador no Jornal Hoje.

 

 

Atualizado em fevereiro/016 – Portal dos Jornalistas

Fontes:

http://redeglobo.globo.com/redebahia/noticia/2014/05/patricia-nobre-fala-como-foi-cobrir-o-show-de-ivete-sangalo-em-portugal.html

http://bahiaprime.com.br/perfil-prime/perfil-prime-patricia-nobre-fala-com-exclusividade.html

https://twitter.com/patnobre

http://g1.globo.com/bahia/index.html

https://www.instagram.com/patnobre/

http://www.bahianoticias.com.br/cultura/coluna/3087-giro-giacomo-mancini-e-patricia-nobre-participam-de-noite-enogastronomica.html

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *