Ranking J&Cia dos +Premiados Jornalistas da História ? Região Sudeste

Pódio reúne Miriam Leitão, Caco Barcellos e Eliane Brum O pódio do Ranking J&Cia dos +Premiados Jornalistas da História – Região Sudeste tem apenas uma mudança em relação ao pódio nacional: a troca de lugares entre Caco Barcellos e Eliane Brum, ele agora em 2º e ela em 3º, com Miriam Leitão em primeiro. Com seus 1.005 pontos, atualizados nesta edição da pesquisa, Miriam abriu uma vantagem de mais de 200 sobre o repórter especial e apresentador da TV Globo, que termina o ano mais uma vez na segunda posição, com 787,5 pontos. À frente de Caco no levantamento nacional, Eliane aparece na 3ª posição no regional, com 750 pontos. É que 155 dos 905 pontos acumulados pelos prêmios que conquistou foram pelo Zero Hora, quando trabalhava em Porto Alegre, estando vinculados ao ranking da Região Sul. O mesmo acontece, aliás, com o próprio Caco, mas numa escala bem menor: dos pontos que acumulou, 25 referem-se a premiações obtidas no Rio Grande do Sul, no início de carreira. Na quarta colocação, com 722,5 pontos, aparece João Antonio Barros, de O Dia; em quinto, com 662,5 pontos, outro gaúcho com carreira construída na Região Sudeste, o repórter da TV Globo Marcelo Canellas; na sexta, com 600, vem Clovis Rossi, da Folha de S.Paulo. Nas sétima e oitava posições estão dois dos nomes que mais subiram no ranking: o repórter e apresentador da GloboNews André Trigueiro (570 pontos), que em 2014 ocupava a 13ª posição; e o repórter fotográfico de O Globo Domingos Peixoto (560 pontos), 18º no ano passado. Completam os Top 10 Gilberto Dimenstein (Catraca Livre), com 545 pontos, e Monica Bergamo (Folha de S.Paulo e BandNews FM), com 492,5 pontos.

Workshop Mega Brasil