Helen Braun

Helen Braun nasceu em Gravataí, Rio Grande do Sul, mora em São Paulo. Faz aniversário em 19 de janeiro.

Cursou Cências Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS. É graduada desde 2006 em Comunicação Social – Jornalismo na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, PUC/RS. Concluiu mestrado em Comunicação Social, 2013, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, PUC/RS.

Antes de começar a trajetória na imprensa foi professora de Língua Inglesa por mais de dois anos ratificando a sua competência no idioma.

Morando em Porto Alegre (RS) trabalhou como repórter na Rádio Gaúcha de agosto de 2005 a agosto de 2006.

Em junho de 2006 migrou para a reportagem da rádio Bandeirantes (RS) por um curto período. Quando passou a produtora e editora do Grupo RBS, também em Porto Alegre, para uma curta temporada.

Trabalhou como repórter correspondente da Emissora de rádio Voz da Rússia, do Governo Russo, para Rússia (de Moscou). Na emissora também atuou como âncora de dezembro de 2008 a abril de 2009.

Na TV Record RS foi produtora entre junho de 2009 e janeiro de 2010.

Passou a âncora do programa Guaíba Cidades da Rádio Guaíba – Rede Record RS em junho de 2009. Na reportagem da emissora foi ainda co-apresentadora do noticiário matinal Bom Dia, âncora do programa cultural Sábado Total, após ter atuado em matérias especiais com foco na área de segurança pública. Ficou lá por dois anos e meio, até outubro de 2011.

Mudou-se para São Paulo em dezembro de 2011 e passou a âncora da Band News FM. Em agosto de 2013 migrou para o dial da rádio CBN como repórter.

Em fevereiro de 2015 começou a dar aulas no Centro Universitário das Faculdades Metropolitanas Unidas FMU/SP (FIAM-FAAM-SP),  como professora das cadeiras de Rádiojornalismo. Segue trabalhando na instituição de ensino.

Desde março de 2015 é repórter da rádio Jovem Pan. Para a emissora fez a reportagem A Indústria em Marcha Lenta escolhida entre as finalistas do Prêmio CNI de Jornalismo. A reportagem contou com produção de Bob Furuya, Clayton Ubinha e Vinícius Silva, e sonoplastia de Reginaldo Lopes.

Realizada com a indicação a repórter Helen Braun falou à Jovem Pan sobre o sentimento de estar entre as finalistas de um dos prêmios mais importantes do jornalismo: “Tolstoi disse que a gente só conhece o mundo quando conhecemos bem a nossa aldeia. E a indicação tem esse sabor: entre as coisas que esta reportagem me proporcionou esteve o fato de poder falar sobre a cidade que nasci (Gravataí) e ver o quanto a história da minha 'aldeia' está ligada à nossa realidade.”

 

 

Atualizado em junho/2015 – Portal dos Jornalistas

Fontes:

Assessoria de Imprensa da Jovem Pan – junho/15

https://www.linkedin.com/pub/helen-garcez-braun/72/585/815

https://twitter.com/helenbraun_

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *