Bernardo Guimarães

Bernardo de Vasconcellos Guimarães é graduado em Engenharia de Produção, pela Universidade de São Paulo, POLI/USP, em 1994. Concluiu mestrado em 2000 em Economia (Conceito CAPES 7) pela mesma instituição de ensino, foi bolsista do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil. Para o mestrado defendeu a tese: A possibilidade de saltos discretos no câmbio implícita nos prêmios das opções.

Obteve 2004 doutorado em Economia pela Yale University, Estados Unidos. Teve como orientador o renomado economista Stephen Morris (Teoria de jogos) na defesa do título Crisis and Expectations: theory, empirics and policy.

No jornalismo participa como revisor e orientador desde 2004 de vários veículos da imprensa nacional e internacional, organizados na ‘Linha do Tempo’ deste perfil, entre eles, o periódico International Economic Review da Philadelphia, Pensilvânia.

Foi do corpo editorial da Revista Brasileira de Economia (Impresso) entre 2011 e 2012. Segue desde 2009 como membro do corpo editorial do periódico inglês, Economica (London, UK) e a partir de 2015 do peruano Economía (Lima)

Entre 2002 e 2003 foi Assistente de Ensino na Yale University, YALE, Estados Unidos e de 2004 a 2010 Professor-assistente da London School of Economics, LSE, Inglaterra.

É professor da Fundação Getúlio Vargas – SP, FGV-SP, Brasil desde 2010 e desde 2006 é membro do Centre for Economic Policy Research, CEPR, Grã-Bretanha.

Lançou em 2015 pela Bei Editora o livro A Riqueza Da Nação No Século XXI. Escrita com clareza e humor, a obra pretende ajudar a compreensão de temas nacionais e termos econômicos frequentes como política monetária, ajustes fiscais, Bolsa Família. O livro faz parte do projeto Por quê? para a divulgação de temas econômicos. O Por quê? abrange site, blog, dicionário de conceitos econômicos, videoaulas, aulas presenciais, animações e livros, e todo seu conteúdo é criado e supervisionado por economistas.

Assina na Folha.com a coluna Economia no Século 21. A coluna estreou em setembro de 2015 em formato de blog com o objetivo de “enriquecer as discussões sobre economia” ao explicar “a lógica econômica por trás dos acontecimentos correntes e trazer dados e histórias relevantes ao debate”. É o olhar de um pesquisador sobre a economia contemporânea.

O blog também pretende tratar de questões econômicas que aparecem pouco nas notícias. “É natural que assuntos como o ajuste fiscal e a inflação recebam a maior parte da atenção, mas economia é muito mais que isso”, esclarece.

Apesar do mercado financeiro não ser o foco do blog, o primeiro post apresentou um recorde negativo da Bolsa de Valores que foi pouco notado: em termos reais, o Índice Bovespa bateu em agosto seu menor nível em dez anos. 

Em março de 2016 postou o Imunidade e impunidade em que questiona “Há motivos para proteger políticos das garras da justiça?” Sobre a abordagem ele deixa como referência: “o Artigo citado é “Immunity”, de Karthik Reddy, Moritz Schularick e Vasiliki Skreta, de novembro 2015. Agradeço ao Rodrigo Soares que me falou sobre esse artigo e sugeriu o tema para o post”.

 

 

Atualizado em março/2016 – Portal dos Jornalistas

Fontes:

http://aeconomianoseculo21.blogfolha.uol.com.br/2016/03/18/imunidade-e-impunidade/

http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2015/09/1678831-folha-estreia-nesta-terca-blog-sobre-economia-do-seculo-21.shtml

http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4769299D8

http://eesp.fgv.br/professores/bernardo-guimaraes

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *