Marco Antonio Lage deixa a FCA

Marco Antonio Lage informou ao mercado no final da tarde dessa sexta-feira (7/7) que está deixando depois de 25 anos a Fiat Chrysler Automobiles (FCA), onde desde 2015 comandava a Diretoria de Comunicação Corporativa e Sustentabilidade para a América Latina.

Mineiro de Itabira, jornalista graduado pela PUC-Minas e mestre em Marketing Estratégico pela Universidade Federal de Santa Catarina, no início da carreira foi repórter de Economia e Cultura e repórter especial da Revista Visão. Depois de passar pela Comunicação do Sebrae, iniciou, em 1992, suas atividades na Fiat Automóveis como assessor de imprensa. Em 2000, assumiu a Comunicação Corporativa, passando a integrar o Comitê Diretivo da empresa.

Integra o Conselho Deliberativo da Associação Brasileira de Comunicação Empresarial (Aberje) e da Associação Comercial de Minas. É ainda diretor-coordenador voluntário do Instituto Minas Pela Paz, instituição ligada à Federação das Indústrias de Minas Gerais, que atua na área de defesa social e ressocialização de condenados do sistema prisional.

Confira a íntegra do comunicado que ele distribuiu:

“Com muita tranquilidade, venho amadurecendo ao longo dos últimos meses a decisão que agora posso tornar pública: depois de 25 anos, deixo a área de Comunicação da Fiat Chrysler Automobiles. Trata-se de um passo dado com muita segurança, atendendo ao meu próprio coração. Há tempos sinto necessidade de uma pausa estratégica para entender de modo mais profundo como a comunicação e o mundo estão mudando. Quero compreender também como tudo isso me impacta.

Ao longo dos últimos 25 anos tenho mantido uma rotina intensa de trabalho, com muito foco na ação e na tomada de decisões. Sinto falta de tempo para a reflexão e não apenas nos campos estratégico e profissional, mas também – e diria, sobretudo – nas dimensões pessoal, familiar e espiritual.

Tomei então a decisão de deixar a Diretoria de Comunicação Corporativa e Sustentabilidade da FCA. Posso assegurar que foi um ato que exigiu desprendimento, mas ponderei que estou vivendo um momento muito especial de minha vida, em que posso somar uma bagagem rica de experiências a uma grande dose de vitalidade, agitação e sonhos em ebulição. A hora certa é agora e o lugar certo é aqui.

Com tudo isso na mochila, vou percorrer meus novos caminhos. O importante é que não nos perderemos. Levo comigo todos os colegas e amigos com os quais convivo há tantos anos e que fazem parte da minha história e do meu jeito de ser.”

1 comment

Get RSS Feed
  1. Alexandre Roque dos Santos

    Foi meu primeiro chefe na Fiat e tenho orgulho disso, desejo sorte e muita felicidade na escolha pois as vezes as escolhas são duras e nosso entorno nos cobra muito, mas nossa vida é família devem de fato prevalecer.

    Forte e fraternal abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *