RBS apresenta nova estrutura para cobertura de segurança, serviços e cotidiano

Novembro marca uma mudança na produção de reportagens investigativas e na cobertura de temas de segurança, serviços e cotidiano de Porto Alegre em jornais do Grupo RBS. “Estamos fortalecendo nosso propósito de um jornalismo de qualidade para os gaúchos, que transforma e toca a vida da população”, informa Andiara Petterle, vice-presidente de Jornais e Mídias Digitais do Grupo RBS. “O investimento nessas quatro frentes (segurança, investigativo, Porto Alegre e serviços) é resultado de muita pesquisa e um trabalho de reformulação de posicionamento e produto junto aos leitores”. A primeira novidade é a formação do Grupo de Investigação (GDI), uma estrutura composta por experientes jornalistas de Zero Hora, Diário Gaúcho, Rádio Gaúcha e RBS TV. Com a formalização do GDI, serão ampliadas as condições de atuação de repórteres altamente especializados e premiados em suas trajetórias. No grupo estão profissionais como Humberto Trezzi, José Luiz Costa, Renato Dornelles, Jonas Campos, Cid Martins e Eduardo Mattos. De forma coordenada e em diferentes formatos, a equipe produzirá ainda mais conteúdo de impacto social, político e econômico. Transformações também virão da soma de forças entre Diário Gaúcho e Zero Hora, com a criação da Editoria de Segurança permanente e a Central de Serviços. Desde 26/8, quando a crise na área da segurança na capital gaúcha se intensificou, o Grupo RBS lançou, como parte da mobilização editorial Segurança Já – tema que abordamos no Portal dos Jornalistas –, uma força-tarefa para abordar o assunto de forma integrada entre os veículos da empresa. A partir de agora, uma equipe fixa, envolvendo jornalistas de ZH e DG, comporá a editoria de Segurança e produzirá conteúdo para ambas as marcas, unindo o conhecimento segmentado das duas redações em um dos assuntos que os leitores mais pedem para ler. Com a mesma lógica de integração, a Central de Serviços vai dar atenção especial a reportagens que facilitem a vida do leitor, qualificando e ampliando a produção de conteúdos de serviço. Seções como Encare a Crise ZH ou DG Ajuda Você, já presentes em ZH e DG, serão maximizadas por ambos os jornais com o objetivo de ampliar a entrega de informações úteis para o dia a dia das pessoas. Todas essas iniciativas – Central de Serviços, Editoria de Segurança e GDI – são lideradas pelo editor-chefe do Diário Gaúcho Carlos Etchichury. “Com essas mudanças e novidades, queremos entregar a nossos públicos conteúdos que sejam relevantes e úteis para suas vidas e um jornalismo de ainda maior qualidade. A redação se renova para reforçar os temas mais importantes para os nossos leitores”, afirma Marta Gleich, diretora de Redação dos Jornais do Grupo RBS. Em Zero Hora, está previsto para dezembro o lançamento da Editoria de Porto Alegre, intensificando a cobertura de assuntos sobre o cotidiano e as tendências da cidade no papel e no digital. A integração também será física, pois jornalistas de ZH e DG passarão a ocupar o mesmo espaço. Além de viabilizar os novos produtos, a integração fortalecerá a operação digital, que conta com uma Mesa Digital para concentrar toda a operação de ZH (website, mobile site, aplicativos, ZH Noite, Domingo Digital, redes sociais), DG (website e redes sociais) e clicRBS.