Vicente Nunes assume a edição executiva do Correio Braziliense

Com a recente saída do editor executivo Carlos Alexandre, Vicente Nunes, que comandava a Economia do Correio Braziliense, assumiu em 8/9 o comando da redação. No jornal há 17 anos, em sua segunda passagem por lá, ele falou a Kátia Morais sobre as expectativas do diário e do novo cargo. Portal dos Jornalistas – Como fica o Correio a partir de agora? Qual sua estratégia de atuação e a expectativa no novo cargo? Vicente Nunes – A ideia, com a minha vinda para cá, é abrir o jornal, fazê-lo funcionar mais cedo, de modo planejado quanto a orientação de equipe, pautas e tudo mais. E deixar o fechamento com a Ana Dubeux, como já vinha acontecendo. Eram dois editores: Carlos Alexandre e Plácido Fernandes. Eles faziam esse trabalho de finalização da edição. Portal dos Jornalistas – Na prática, como fica? Vicente – O objetivo com a mudança é, por exemplo, aproximar o impresso da internet. Fazer essa interface, inclusive com a utilização de gráficos. Mas continuo o meu trabalho no blog [N. da R.: Blog do Vicente], que é o segundo mais visitado; com minha coluna; e com o recente lançamento do Economia no Sofá. Portal dos Jornalistas – Como fica a Economia do CB? Vicente – A editoria vai ser tocada agora por Paulo Silva Pinto, que era repórter especial. Na verdade, estaremos juntos nessa nova fase do jornal, com a equipe que já vinha me acompanhando. Conto com a ajuda de todos. O jornal precisa crescer.