WAN-IFRA apoia campanha da Unesco pelo fim da impunidade dos crimes contra jornalistas

A Unesco lançará nesta sexta-feira (2/11), Dia Internacional pelo Fim da Impunidade dos Crimes contra Jornalistas,  com o apoio da Associação Mundial de Jornais e Editores de Notícias (WAN-IFRA), a campanha #TruthNeverDies, que terá por objetivo a conscientização sobre a necessidade de garantir a elucidação dos crimes contra jornalistas, em meio à crescente violência contra esses profissionais.

Nos últimos 12 anos (entre 2006 e 2017), afirma a Unesco, cerca de 1010 jornalistas foram mortos por denunciar e trazer informações ao público. Em média, um assassinato a cada quatro dias. A cada dez desses casos, nove ficam impunes. Essa impunidade, diz a organização, prejudica todas as sociedades ao encobrir abusos sérios de direitos humanos, corrupção e crime.

A WAN-IFRA reforça que a escalada de violência continua em 2018, quando pelo menos 45 jornalistas foram mortos no mundo como resultado de seus trabalhos, de acordo com o acompanhamento feito pelo Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ). A campanha global a ser lançada inclui peças publicitárias que podem ser divulgadas pelos veículos de comunicação em diferentes meios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *