Crivella barra O Globo em coletiva

O prefeito do Rio, Marcelo Crivella, afirmou esta semana que não vai mais responder a O Globo quando o jornal solicitar informações, porque é sempre para falar mal. Conforme notícia do UOL, que reproduziu postagem da Prefeitura no Twitter, o jornal é um “panfleto político quando seus interesses comerciais não são atendidos”. O motivo dessa “queda de braço” é a série de reportagens que o jornal vem publicando: uma acusação de recebimento de propina para liberar verbas para empresas credoras da Prefeitura.

Na tarde dessa terça-feira (3/12), o prefeito proibiu a entrada de repórter e fotógrafo do Globo numa coletiva para apresentar a programação do Réveillon, um dos principais eventos turísticos do Rio. Logo ao chegar, ainda na portaria, a equipe foi avisada de que não poderia subir para o quarto andar, onde seria a coletiva, e que não fora convidada. Em solidariedade, os profissionais de outros veículos do Grupo Globo que lá estavam – TV Globo, GloboNews, G1 e CBN – com eles se retiraram.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *