28.3 C
Nova Iorque
sábado, setembro 18, 2021

Buy now

Cortes na Rede TV atingem 15 no Jornalismo

A Rede TV realizou nos últimos dias o corte de pessoal que já havia anunciado para ajustar seus custos ao atual orçamento, que sofreu duras baixas com a saída da grade de programação de atrações como Pânico na TV e as transmissões de MMA, que respondiam por grande parte de seu faturamento.

De um total estimado de 450 demissões, conforme a mídia noticiou, 15 são do Jornalismo, aí incluídos esporte e portal, segundo noticiou Jornalistas&Cia em sua última edição. O processo também resultou na descontinuidade do programa Aconteceu. Entre os que deixaram a emissora estão Anelise de Oliveira ([email protected]), apresentadora do Good News; Nicolas Tamasauskas, coordenador de Redação do portal; e Lia Gomes, repórter de Entretenimento, também do portal; registro ainda para a chegada, na mesma editoria, de Marcia Ribeiro.

No remanejamento da grade, alguns dos jornalísticos ganharam mais espaço, casos de Good News, sobre sustentabilidade e meio ambiente, que passa a ter 30 minutos e a ser exibido duas vezes por semana (às 5as e sábados, às 22h30); Tema Quente, de debates, que será semanal; e Rede TV Esportes (todos os dias, às 18h), que ganha mais 15 minutos e passa a ter um total de 45 minutos. Revista Exame – Se a crise, em si, já é uma boa dor de cabeça para a Rede TV e seu presidente Amilcare Dallevo, ela ganhou contornos mais nítidos na edição da revista Exame que chegou às bancas no último final de semana. Nela, sob o título A mansão sobe, a casa cai, a repórter Naiana Oscar traz detalhes da mansão que o executivo da Rede TV está construindo em Alphaville, contrapondo-a à crise da emissora.

Related Articles

22,043FãsCurtir
2,942SeguidoresSeguir
18,400InscritosInscrever

Últimas notícias

pt_BRPortuguese