Renato Lombardi

Renato Lombardi é italiano de Nápoles. Nasceu em dezembro de 1945.

Começou a carreira como contínuo – cargo atualmente conhecido como office boy – no jornal Última Hora, no Vale do Anhangabaú, São Paulo, Capital. Passou a repórter aos 19 anos, trabalhando na sucursal do jornal em Santo André.

Especializou-se no setor policial. Em 1965, com a ditadura militar, o jornal fechou a sucursal e Renato foi trabalhar no Notícias Populares. Em 1970 foi convidado para trabalhar na sucursal de O Globo em São Paulo, onde ficou até junho de 1977, como repórter encarregado de coberturas da área de Segurança.

Em 1977, foi trabalhar em O Estado de S.Paulo, onde ficou até maio de 2004. Atuou na editoria de Cidades como repórter especial. Participou das principais coberturas do jornal.

Em 1992, entrevistou João Acácio, conhecido como o Bandido da Luz Vermelha – que já estava preso há 25 anos – e produziu uma reportagem que ressaltava o isolamento e a realidade que o cercava.

Em maio de 2004 decidiu deixar o jornalismo escrito e trabalhar exclusivamente na TV Bandeirantes, onde já estava há certo tempo. Simultaneamente, atuava também na rádio Bandeirantes.

Depois de deixar o Estadão e a Band, trabalhou por quatro anos na TV Cultura, de outubro de 2004 a agosto de 2009. É, desde então, comentarista de Segurança e Justiça da Rede Record.

 

 

Atualizado em janeiro de 2012 – Portal dos Jornalistas

Fonte:

http://www.fernandomolica.com.br/livros/50anoscrime/trecho.htm

https://www.portaldosjornalistas.com.br/memorias-da-redacao-conteudo.aspx?id=160

https://www.portaldosjornalistas.com.br/noticias-conteudo.aspx?id=355

https://www.portaldosjornalistas.com.br/noticias-conteudo.aspx?id=1324

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *