Globo inaugura estúdio para dramaturgia e entretenimento

* Por Cristina Vaz de Carvalho, editora de Jornalistas&Cia no Rio de Janeiro

A TV Globo inaugurou em 8/8 o MG4, um novo complexo de estúdios. Desde a inauguração do Projeto Jacarepaguá (Projac), em 1995, houve ampliações consideráveis, com a construção de mais dois Módulos de Gravação, os MG, e a adoção do nome Estúdios Globo para o antigo Projac. Mas nada foi tão impactante como essa entrega.

Ela é quase uma publicação de balanço de que a empresa está bem, embora com frequência circulem boatos de que a Globo está à venda, que só tem prejuízo. Aparentemente, apesar da crise, é um negócio muito sólido e bem administrado.

Com investimento de mais de R$ 200 milhões, o projeto levou cinco anos para ser concluído, entre pesquisas e obras. São 26 mil m 2 de área construída, numa área total de 1,73 milhão de m2 , da qual quase a metade corresponde aos 13 novos estúdios, incluindo área externa para gravações na mesma sequência. O complexo deve ter 500 profissionais ali trabalhando, por mês. Vários aspectos foram levados em conta: inovação tecnológica, atenção para a sustentabilidade, e ainda espaços de convivência.

Considerada uma das principais transformações da indústria audiovisual para os próximos anos, foi adotada a conectividade por protocolo IP (abreviação do nome em inglês para Endereço de Protocolo da Internet), que transforma a estrutura do complexo de estúdios em uma rede de dados por onde trafegarão as informações captadas, em grandes volumes e com
mais agilidade, diferentemente de uma rede broadcast.

Os estúdios dispõem de equipamentos wireless, eliminando os cabos de câmeras e microfones, e estão habilitados para os formatos 4K e 4K HDR – que oferece quatro vezes mais resolução do que o Full HD aliado às qualidades do High Dynamic Range.

O projeto tem toda sua energia provinda de fontes renováveis – como a solar –, um sistema de reúso de água de chuva e coleta seletiva de lixo. Além de utilizar intensivamente iluminação natural, a iluminação artificial é 100% de LED. O sistema de ar-condicionado, de última geração, tem baixo consumo de energia. Foram replantadas 14 mil mudas de árvores. O estacionamento tem vagas para carros híbridos.]

A cerimônia de inauguração, além das falas de praxe, foi seguida de mesas-redondas sobre indústria criativa, cultura e inovação, de que participaram convidados do setor do audiovisual, entre outros. Para encerrar, houve shows de Caetano Veloso e seus filhos Moreno, Zeca e Tom.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *