Gladinston Silvestrini e Humberto Maia Júnior deixam Exame

O editor Gladinston Silvestrini e o repórter Humberto Maia Júnior, ambos da editoria de Brasil, que tem como editor executivo José Roberto Caetano, deixaram recentemente a revista Exame. Gladinston, que é catarinense, saiu há três semanas de mudança para Florianópolis, convidado pela Agroconsult, que tem sede na ilha, para cuidar de suas publicações empresariais. Na última semana, mais exatamente na 5ª.feira (5/11), saiu o carioca Humberto, também para uma posição na área de comunicação corporativa: está assumindo o cargo de supervisor de comunicação na PwC, na equipe da gerente Márcia Avruch. A vaga de editor de Brasil será ocupada, a partir da próxima semana, por Fabiane Stefano, até então editora de Negócios Globais, reportando-se a Eduardo Salgado. Pelo que apurou o Portal dos Jornalistas, não é oficial, mas tudo indica que a reposição das duas vagas em aberto (repórter na editoria de Brasil e editor na editoria de Negócios Globais) fique para 2016, já que terminar o ano economizando o máximo possível é uma orientação geral na Abril. Vale acrescentar que a revista tem ainda posições em aberto no Rio, de onde no início do ano saiu o repórter Bruno Villas Boas, para a sucursal da Folha, e mais recentemente a editora Roberta Paduan, que já estava de licença desde o ano passado (para escrever um livro) e acabou optando por deixar a revista ao final do período.