Estudo da Brand Finance indica marcas mais valiosas e poderosas de 2020

Menos de um ano depois de a OMS decretar o coronavírus uma pandemia, o relatório Global 500 da Brand Finance mostra os impactos da crise no valor e na força das marcas globais. O estudo mostra os impactos da pandemia em marcas de tecnologia e mídia como Netflix, Spotfy, Twitter, YouTube, Facebook, NBC e CBS − esta, a que apresentou a queda mais vertiginosa no valor.

Quem mais ganhou foi Apple, consagrada como a marca mais valiosa do mundo, com um valor de quase US$ 264 bilhões, seguida por Amazon e Google. Nos Top 10, empresas americanas dominam os índices de marcas mais valiosas.

Mas no ranking de marcas mais fortes, quem levou foi a China. O aplicativo WeChat tirou o título das mãos da lendária Ferrari, graças ao seu poderoso modelo “tudo-em-um”. Ele vai bem mais longe do que os aplicativos de mensagens como o WhatsApp. Mais de 1 bilhão de chineses usam o WeChat diariamente para pagar contas, fazer compras, reservar viagens, comprar ingressos, pedir táxi e até presentear com os envelopes vermelhos que fazem parte da cultura chinesa em datas especiais.

Workshop Mega Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *