Vereador de Rio Preto ameaça de morte repórter do Diário da Região

Fenaj, Abraji, ANJ, APJ e OAB repudiaram as ameaças de morte feitas pelo vereador de Rio Preto César Gelsi (PSDB) ao repórter de política do Diário da Região Rodrigo Lima no último 5/2, quando dava entrevista a outro profissional do jornal.

O caso ganhou repercussão depois que o Diário publicou declarações de Gelsi de que guarda “porrete” em seu gabinete e que iria “abrir a cabeça” do jornalista (confira texto e áudio aqui). Houve também manifestações em sites de relacionamento, o que acabou pautando a edição de 9/2 do jornal.

O motivo da ira de Cesar Gelsi seriam pelo menos duas reportagens que trataram de sua vida pública: uma publicada em 4/9/2012, intitulada Eles querem voltar, cujo texto, em tom de ironia, tratou ex-vereadores como “mortos-vivos da política” que tentavam novamente se eleger; e outra, de 20/1, que revelou os nomes de autoridades municipais que eram cobradas judicialmente pela Prefeitura de Rio Preto por impostos em atraso.

Como essa não foi a primeira vez que Gelsi fez ameaças de morte e agressão a Rodrigo, este registrou boletim de ocorrência no 1º Distrito Policial da cidade. Uma cópia do áudio da entrevista de Gelsi foi apreendida pelo delegado Fernando Campanelli Frey.

Para Marcelo Moreira, presidente da Abraji, “é um absurdo que situações como essa ainda aconteçam nos dias de hoje, de grupos que utilizam o poder político para fazer calar jornalistas. Isso não pode ocorrer em região alguma, mas muito menos na região Sudeste do Brasil, uma das mais desenvolvidas do País. Eu confio que as autoridades sejam capazes de apurar e de punir seja quem for. E tenho certeza de que fatos como esse não impedem jornalistas de levar informação e de desenvolverem seu papel na sociedade”.