A fotografia no Portal dos Jornalistas (I)

Profissionais da imagem estão representados no Portal dos Jornalistas por 171 nomes, entre eles 39 mulheres. Seis estados têm a maioria repórteres fotográficos perfilados: São Paulo, com 53; Minas Gerais, 28; Rio de Janeiro, 22; Rio Grande do Sul, oito; Distrito Federal, cinco; e Amazonas, quatro. Os demais estão em outros 16 estados, embora sempre em trânsito, acompanhando os fatos. Dividimos em duas partes a apresentação de alguns dos que residem no Estado de São Paulo (Estado). Hoje, parte 1. A lista começa com Ari Paleta, coordenador de Fotografia do Diário do Grande ABC. Antes, foi repórter fotográfico do jornal, além de ter clicado para outros veículos. Imagens do trabalho dele estão registradas no Flickr. Veja no canal ABC Panorama uma entrevista dele sobre os desafios de uma editoria de Fotojornalismo. Antonio Milena conquistou alguns dos mais importantes prêmios jornalísticos brasileiros, como Esso, Vladimir Herzog e Líbero Badaró. Quando o Estadão fez uma enquete com 101 fotojornalistas de todo o mundo e perguntou “qual seria a única imagem que você levaria se fosse passar dez anos em Marte?”, a foto selecionada foi de Milena. Capa da revista Veja, a imagem escolhida mostrava, em meio a flores amarelas num caixão fúnebre, as mãos cruzadas de um dos três trabalhadores mortos pelo Exército no período da ditadura durante a ocupação da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), em Volta Redonda (RJ), em protesto por melhores condições de trabalho e aumento salarial.  Em 2013, Milena participou, com outros 19 repórteres fotográficos brasileiros, da exposição Brazilian Photojournalists – From Bossa Nova to Global Power no salão principal da sede da ONU, em Nova York.  André Dusek assina o Foto Coleguinhas, que mostra rostos de fotógrafos, quase sempre protegidos pelas câmeras, e coberturas. Algumas histórias do site trazem comentários mostrando o “cômico” das situações, outras registram denúncias. Está lá, por exemplo, a foto de Che Guevara que virou símbolo de uma geração, clicada pelo cubano Alberto Korda. As fotos de Dusek já fizeram parte de várias exposições coletivas, como a Bienal Fotojornalismo Brasileiro, na Fundação Bienal, em São Paulo. Ele integra a equipe de fotógrafos do Estadão.    Fotógrafa profissional de moda desde 2006, Aurea Calcavecchia é editora do site da jornalista Lilian Pacce, que aborda tudo o que rege o universo feminino. Ela já produziu figurinos de peças de teatro e foi fotógrafa do HSBC. Cacalo Kfouri fotografou para revistas especializadas em tênis e vela, clicou para Placar, Playboy, Quatro Rodas, Casa Cláudia, revista Mitsubishi e Superinteressante. Está na EBC desde 2006 e dedica tempo integral à Agência Brasil, como analista da qualidade da informação e imagem. Para ele, “agora, foto, só por diversão”. Repórter fotográfico premiado, Caio Guatelli passou por Estadão e Folha. Já clicou para diversas revistas, jornais e sites, entre eles Playboy, veículo que lhe garantiu o primeiro prêmio, em 2005. Sua especialidade são fotos que registram movimentos dos atletas em alta velocidade, com imagens congelando expressões que revelam o empenho e os sentimentos dos esportistas. Foi o vencedor do Prêmio Folha de Fotografia 2009 com imagens dos Jogos Olímpicos de Pequim e finalista do Prêmio Conrado Wessel 2009. Tem sua própria agência e estúdio de fotografia. Cassiana Der Haroutiounian é editora de Fotografia da revista Serafina, da Folha de S.Paulo, e edita o blog Entretempos. Em 2012, ao lado de Gary e Cesar Gananian, dirigiu Rapsódia Armênia, documentário no gênero road movie que, a partir de histórias individuais, constrói a cultura do povo armênio. Em julho do mesmo ano, o documentário foi exibido na nona edição do Festival Golden Apricot em Yerevan (capital da Armênia) e, de quebra, garantiu a premiação no British Council Award. Posteriormente, o filme foi convidado a participar da 36ª edição da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo. Com o olhar acostumado a analisar por detrás das lentes a imagem a ser registrada, as dificuldades e as oportunidades aliadas à técnica, Cesar Itiberê é editor executivo de fotografia da Editora Três. Antes, esteve por 13 anos na Folha de S.Paulo, período em que passou por todos os cargos na editoria de Fotografia. Foi um dos jornalistas fotográficos que participaram da criação do portal Fotos Públicas, endereço eletrônico que auxilia na busca de imagens públicas em jornais, revistas, sites, blogs, redes sociais e outros meios. Itiberê está no colunas e blogs da IstoÉ, espaço por onde desfilam fotógrafos e os melhores cliques do dia a dia das coberturas. Cláudio Belli fez algumas expedições fotográficas, uma delas no veleiro sul-africano Diel, do Rio de Janeiro até a Cidade do Cabo, em 2003. É fotógrafo do Valor Econômico desde fevereiro de 2009. Mantém um portfólio digital no portal CarbonMade desde 2010. Participou da exposição Vejoperas Fotografia – Nove Versos do Olhar, em São Paulo, em 2011. Publicou fotos nas revistas Globo Rural, Caminhos da Terra, Horizonte Geográfico, CartaCapital, Outdoor, TAM nas Nuvens, GOL, Prana Yoga, entre outras, e para os bancos de imagens OrangeLine e Stockphoto. Com atuação quase sempre na área dos esportes, Daniel Augusto Júnior passou por Folha de S.Paulo, O Globo, Lance e Placar, além de ter sido sócio da agência F4. Desde 2003 está no Sport Club Corinthians Paulista e fotografa oficialmente para o site do time. Produziu as imagens de alguns livros sobre as conquistas do clube, entre eles Eu voltei! – As melhores imagens de 2008, Corinthians Campeão Paulista 2009 – Invicto e Copa do Brasil – Do inferno ao paraíso, também de 2009, todos pela Gutenberg. Pela BB Editora lançou Pentacampeão 2011 e Libertados – Campeão da Libertadores Invicto 2012. Débora Klempous passou por jornais diários em Santa Catarina, assinou fotos em Folha de S.Paulo, O Globo e nas revistas CartaCapital, IstoÉ e Saúde, além de matéria especial na Azul Magazine sobre a Ilha Grande. Segue morando em São Paulo, onde trabalha como fotógrafa e jornalista freelancer. O portfólio de seus trabalhos está aqui. As fotos de Ed Viggiani estão em museus nacionais e internacionais e têm como destaque enquadramentos pouco convencionais. Segundo ele, “o jogo de sombra e luz é usado para revelar o que está oculto, o que está por trás da imagem”. Ed trabalhou para diversos veículos de comunicação em São Paulo, Rio e Fortaleza. Fotografou para Jornal da Tarde, revista Manchete, O Povo (CE), revistas Visão, IstoÉ, Veja e para a Folha de S.Paulo. Concebeu e fez a coordenação editorial do livro Brasil bom de bola (Tempo D’Imagem, 1998), lançado em várias capitais brasileiras e no Museu do Louvre, em Paris. É autor do livro de fotografia Brasileiros Futebol Clube (Tempo D’Imagem, 2006), patrocinado pelo Banco Votorantim. Impressa em preto e branco, a obra fez parte do currículo da Escola de Comunicação e Artes (ECA), da USP, ao longo de 2009. Epitácio Pessoa é fotógrafo do Estadão e ganhou o Prêmio Esso de Fotografia em 2011com imagem que fez para matéria em parceria com o repórter José Maria Tomazela, quando trafegavam por uma estrada rural em Lorena (SP) e presenciaram dois homens prestes a matar um garoto. A ação do fotógrafo impediu que o crime se consumasse. Ele diz que, ao registrar o fato, sentiu-se “usado por Deus, pois salvou uma vida”. Sérgio Branco é diretor de Redação do Núcleo de Imagem da Editora Europa, que inclui as revistas Fotografe Melhor, Fotografe Técnica&Prática, FilmMaker e Viaje Mais, além da edição de livros, guias, bookzines e aplicativos que envolvem fotografia e vídeo. O repórter fotográfico Paulo Pampolin, além de imagens, traz na bagagem uma coleção de prêmios. Na carreira recebeu Menção Honrosa no Prêmio Estadão de Fotografia de 2005, na categoria Megaphoto, pela obra Reflexo do frio; foi finalista nos prêmios Ayrton Senna e da revista Photo (França); um dos ganhadores do 1º Concurso Nacional de Fotografia Consigo a Melhor Imagem, promovido em 2008 pela Confederação Brasileira de Fotografia, com a foto Reflexo de São Paulo; e ficou em 2º lugar no Prêmio Leica Fotografe Melhor da revista francesa Multticlique, edição 2010-2011, na categoria Ensaio, entre outras homenagens. Tem passagem pela agência Digna Imagem (SP) e há cerca de dez anos fotografa para Folha de S.Paulo e Diário do Comércio de São Paulo. Em 2006 abriu a Hype Fotografia, onde atua como diretor responsável. Também há cerca de dez anos mantém uma exposição permanente no museu virtual e internacional Photo.net e desde 2009 edita o site e o blog Hype, onde publica obras, informações e comentários. Além de fotógrafos, o Portal dos Jornalistas reúne profissionais que trabalham com ilustrações, infográficos, charges e cartuns, artistas gráficos que transformam a informação em criações plásticas que remetem à notícia, à cena e ao cenário dos fatos. Na próxima semana, o Portal dos Jornalistas continuará a apresentar os profissionais da fotografia que têm São Paulo como base de trabalho. Depois, será a vez dos jornalistas fotográficos de outros estados.