Felipe Machado assume Novos Negócios da Porta Voz e lança primeiro álbum solo

Dividir as profissões de jornalista e músico nunca foi novidade para Felipe Machado. Antes mesmo de se formar em Comunicação Social pela Cásper Líbero, em 1993, tinha já uma sólida carreira como guitarrista da banda de metal Viper. Agora, depois de dois anos intensos em ambas as profissões – período em que, no jornalismo, foi chefe de Reportagem do R7 e trabalhou na campanha do candidato à Presidência da República Aécio Neves, e na área musical participou de mais uma turnê de retorno do Viper, com direito a show no Rock in Rio –, ele anuncia novidades, nas duas áreas. Após produzir no começo do ano o livro Histórias que inspiram para o Mercado Livre, empresa que compõe a carteira de clientes da Porta Voz, ele está de volta à agência, onde assume o posto de diretor de Novos Negócios. “Além de prospectar novos clientes, ficarei responsável por implantar novos processos digitais para a agência e seus atuais clientes”, explica o agora executivo. Do lado musical, a novidade é o lançamento do álbum FM Solo, primeiro de sua carreira fora do Viper. “É um estilo totalmente diferente do que eu estava acostumado a fazer”, explica. “Enquanto banda é uma soma das influências de seus integrantes, em um trabalho solo você é livre para experimentar e explorar suas influências”. O álbum também marca a estreia dele no vocal. As dez músicas (sete originais e três versões) foram compostas em inglês, mantendo nesse quesito a talvez principal característica da época do Viper. O trabalho leva o selo da WikiMetal e da FM Labs, nova produtora cultural também criada por Felipe. Além de produzir seus trabalhos musicais e literários, ela estará aberta a outros artistas. O lançamento do disco será no Na Mata Café (rua da Mata, 70), em São Paulo, em 10/9, a partir das 22 horas.