Fenaj repudia ataque de policiais chilenos a jornalista brasileiro

A Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) emitiu em 29/10 uma nota de repúdio à violência policial no Chile, que atingiu o jornalista brasileiro Victor Manuel Caricari Saavedra (Carta Maior). Ele está naquele país para cobrir as manifestações populares.

Victor levou um tiro na perna, após um momento de repressão por parte de policiais aos jornalistas. O repórter da Carta Maior mostrou a eles seus documentos e sua câmera fotográfica, para provar que era jornalista, mas mesmo assim acabou sendo atacado. Segundo relatou à Fenaj, os policiais sabiam que ele era jornalista, e mesmo assim atiraram.

Em nota, a Fenaj repudiou os ataques da polícia chilena e está solidária “a Victor e também aos jornalistas chilenos e estrangeiros que estão igualmente sob ameaça, em razão da violenta repressão do Estado chileno às manifestações populares”.

Veja a nota na íntegra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *