Agência Estado lança Broadcast Político

Em cerimônia realizada no final da tarde desta 3ª.feira (18/6) no Salão Nobre da Câmara dos Deputados, a Agência Estado apresentou a parlamentares e a representantes dos poderes Executivo, Judiciário e do corpo diplomático o Broadcast Político, serviço de informações em tempo real dedicado à cobertura de assuntos de interesse da área.

O novo serviço estende à política a experiência e a tecnologia na cobertura instantânea do mercado financeiro que o AE Broadcast faz há 22 anos. Entretanto, diferentemente deste, que Hélcio Gaertner e David Burrel Davies criaram em 1987 e que o Grupo Estado adquiriu já funcionando em 1991, o Broadcast Político é um serviço novo e, até onde se sabe, sem similar no mercado brasileiro.

O Broadcast Político trará em tempo real os bastidores das três esferas do Poder e a cobertura dos principais acontecimentos do dia. As notícias do universo político serão produzidas por profissionais do Grupo Estado em Brasília, Rio e São Paulo.

O produto também contará com comentários e análises de colunistas da AE e do Estadão como Dora Kramer, Felipe Recondo, Fernando Dantas, João Bosco Rabello, João Domingos, José Roberto de Toledo e Marcelo Beraba; além de parcerias com serviços especializados – como o Análise Política e o site Migalhas –, vídeos, um monitoramento do que é veiculado em publicações pelo País e pelo mundo, e áudios da Rádio Estadão.

Os assinantes do serviço, que é pago, ainda terão acesso antecipado às principais reportagens do Estadão e à coluna diária de Dora Kramer, além de poderem comunicar-se uns com os outros, em tempo real, através do AE Chat. Segundo a empresa, “o novo serviço expõe os assuntos de maneira clara, organizada, em uma única tela, com navegação simples e acessível de qualquer lugar – computador, celular ou tablet”.

Fustigado pelo Valor Econômico, que lançou há alguns meses o Valor-PRO para concorrer com o Broadcast da Agência Estado, o Grupo Estado dá mostras de que fortalecerá e ampliará os serviços em tempo real. Rabello, que será um dos protagonistas do novo serviço, deixou a direção da sucursal de Brasília do Grupo Estado após 23 anos e se transformou em parceiro da empreitada, associado ao grupo Análise Política.