J&Cia, Amazon.com.br e Editora Record lançam prêmio de livro-reportagem

Autor de melhor livro-reportagem receberá R$10 mil e proposta de contrato com a Editora Record. Estudantes e recém-formados concorrerão a R$ 5 mil

 

Em uma parceria entre Jornalistas&Cia, Amazon.com.br e a Editora Record, foi lançado nesta quarta-feira (20/6) o Prêmio Livro-Reportagem Amazon. Com o objetivo de reconhecer títulos do gênero, a iniciativa avaliará obras publicadas até 31 de outubro de 2018 por meio do Kindle Direct Publishing (KDP), ferramenta de autopublicação da Amazon. O vencedor receberá R$ 10 mil, além da oportunidade de ter seu livro impresso editado e publicado pela Editora Record. Outra novidade será o Destaque Universitário, para estudantes de jornalismo e recém-formados, com graduação a partir de dezembro de 2015. O vencedor dessa categoria receberá R$ 5 mil.

Para participar, os interessados devem publicar seu livro gratuitamente pelo KDP e inserir o termo #PremioReportagemAmazon no cadastro de palavras-chave. Estudantes e recém-formados devem incluir também o termo #DestaqueUniversitario. Para serem elegíveis, os livros não podem ter sido previamente publicados e comercializados por uma editora. Além disso, precisam ficar exclusivos para venda na Amazon em formato digital, devendo ser inscritos no programa KDP Select.

Seleção

Os finalistas e vencedores serão selecionados por uma comissão julgadora formada por executivos e jornalistas de Amazon, Jornalistas&Cia e Editora Record. Os livros serão avaliados com base na originalidade, atualidade e relevância do tema. Aspectos como veracidade e profundidade dos fatos, diversidade e relevância das fontes, qualidade literária e viabilidade comercial, também serão diferenciais. Na composição do júri estarão, entre outros, Carlos Andreazza, editor executivo de não-ficção e literatura brasileira do Grupo Editorial Record, e Eduardo Ribeiro, diretor de Jornalistas&Cia e deste Portal dos Jornalistas.

“Na Amazon, nos esforçamos para encorajar autores a compartilhar o seu trabalho e ideias com o mundo, enquanto os ajudamos a encontrar novos leitores”, afirma Talita Taliberti, gerente do KDP na Amazon.com.br. “O KDP foi criado para oferecer aos autores uma ferramenta de autopublicação fácil e aberta a todos para permitir isso”.

“Este prêmio valoriza o trabalho jornalístico. Nossa ideia é colocá-lo em destaque, ampliando o conhecimento sobre este gênero e buscando descobrir talentos em nosso meio”, diz Marina Zveibil, gerente de Comunicação da Amazon.com.br.

“A Record tem uma longa tradição na publicação de livros-reportagem que vem de muito anos. Está no DNA da editora”, afirma Carlos Andreazza, da Editora Record. “Apostamos no gênero e acreditamos que hoje o livro é o espaço onde o jornalista tem tempo e total liberdade para investigar e contar uma história da forma que ela deve ser contada. Estamos muito felizes em poder participar dessa iniciativa, descobrir e publicar novos talentos da literatura jornalística no Brasil”.

“Estamos empolgados em oferecer esse prêmio de livro-reportagem, ao lado da Amazon.com.br e da Editora Record. Será uma iniciativa que nos permitirá descobrir e reconhecer novos e talentosos profissionais do jornalismo brasileiro”, destaca Fernando Soares, editor do Jornalistas&Cia. “É também uma ótima oportunidade para jornalistas e estudantes compartilharem seus trabalhos, além de terem um retorno financeiro com isso”.

Sobre o KDP

O KDP é uma ferramenta gratuita e simples para escritores e editoras publicarem seus livros em todo o mundo. Todos os títulos participantes do Prêmio estarão à venda na loja Kindle e disponíveis gratuitamente aos clientes do Kindle Unlimited. Os e-books podem ser lidos pelo aplicativo gratuito Kindle para computadores, tablets e smartphones e em e-readers Kindle.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *