Meia Hora tem novo site com equipe dedicada

Marco Rocha (esq.) e Ricardo Calazans

O jornal Meia Hora ganha um site novo, com equipe própria, pela primeira vez desde 2005, quando nasceu. O projeto foi desenvolvido por Ricardo Calazans, responsável pela operação digital da editora O Dia desde março deste ano. Marco Antônio Rocha foi contratado para ser o editor do site, e montou uma equipe afiada para tocar o barco. Henrique Freitas, editor do Meia Hora impresso, está animado com o novo suporte.

Calazans (ricardo.calazans@odia.com.br) começou no jornalismo nos anos 1990, esteve em O Globo, O Dia e no Jornal do Brasil, em publicidade, agência de comunicação, no Gshow da TV Globo, e abriu uma empresa de conteúdo, tendências e entretenimento. Nesse meio tempo, teve um convite para voltar a O Dia, como editor executivo, respondendo pela parte digital. Seus primeiros seis meses foram dedicados a reorganizar o site do jornal e, logo depois, o do Meia Hora.

Rocha (marco.rocha@meiahora.com) trouxe para a equipe os repórteres-redatores Rodrigo Teixeira, Jessyca Damaso e Nathalia Duarte, e eles contam ainda com três estagiários. O novo site não traz mudanças, mas a implementação do que é o Meia Hora: foco local, bem-humorado quando possível – quando não, disposto a puxar a orelha das autoridades. Mas não apenas isso: como não há limite de espaço na internet, o jornal deve ressaltar a prestação de serviço.

Vai haver, também, mais convergência de vídeo. Ainda em novembro, estreia uma série com as pessoas que conseguiram “se virar” dentro da crise. Há exemplos de quem vendia brownie para pagar a faculdade, transformou a atividade em empresa, tem hoje cerca de 70 funcionários – e podem inspirar outras pessoas.

Está prevista uma campanha no Facebook, com personalidades e famosos, chamando os leitores para conhecerem o novo site. Calazans resume: “É um trabalho orgânico, de construção de uma base de leitores. Nossa expectativa é de uma audiência bacana, porque seguimos a linha do Meia Hora, agora com destaque também na internet”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *