Guilherme Amado, colunista da revista Época, está acertando sua ida para o Metrópoles. Deverá estrear sua coluna no portal em 17/5, trazendo com ele a equipe. Os detalhes da negociação ainda estão sendo acertados. Ele estreou em Época em janeiro de 2019, trazendo em sua coluna informações e bastidores exclusivos para as edições impressa e digital da revista. Sua principal marca é a informação inédita, em diferentes linguagens, entre textos, notas curtas, infográficos e vídeos sobre política, cultura e sociedade brasileira. Baseado em Brasília, conta com o apoio de Eduardo Barretto na apuração e na produção de conteúdo.

Amado começou a carreira em O Globo e recebeu os prêmios Esso e Tim Lopes por reportagens publicadas no Extra. Trabalhou com Lauro Jardim, primeiro em Veja, depois no Globo. Foi com ele que, em 2017, publicou o furo de reportagem que revelou a gravação de Joesley Batista com o então presidente Michel Temer, avalizando a compra do silêncio do deputado Eduardo Cunha e detonando o escândalo da JBS.

Desde aquele ano, é John S. Knight Journalism Fellow na Universidade Stanford, na Califórnia, e integrante do Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos (ICIJ), responsável por grandes investigações jornalísticas, como os Panama Papers. Graduado pela UnB e com especialização na London School of Journalism, Amado também teve passagens pelos sites Crusoé e Poder360.

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments