Faap lança curso sobre cobertura em áreas de conflitos

Revoluções no mundo árabe, tensões entre Palestina e Israel e a própria pacificação de comunidades no Rio de Janeiro foram o pano de fundo para as Faculdades de Comunicação e Marketing e de Economia da Faap criarem um novo curso de extensão, Jornalismo em áreas de conflito, com início em março de 2012. Direcionado especialmente a jornalistas, mas aberto a outros públicos, abordará experiências de profissionais renomados nesse tipo de situação. Segundo o professor Fábio Lacerda Soares Pietraroia, coordenador do curso, ?o objetivo é refletir sobre a atividade jornalística em áreas de tensões, compreendendo a estrutura geopolítica e sociológica de conflitos nacionais e internacionais, além de fornecer noções básicas de direitos humanos, de direito internacional e de direitos autorais?. O programa analisará também as diferentes abordagens da violência, assim como as atitudes dos jornalistas quando se deparam com situações ou ambientes que impõem sérias dificuldades ao seu trabalho. Economista e sociólogo pós-graduado em Altos Estudos de Estratégia e Geopolítica pela Faap, Pietraroia é mestre em Ciência Política pela Unicamp, doutor em Ciências da Comunicação pela USP, especialista em Estudos da Paz e Resolução de Conflitos pelo European University Center for Peace Studies (Áustria), pós-graduado em Estudos da Mídia pela Universidade de Oslo e ex-pesquisador visitante da revista especializada em questões de segurança internacional The Bulletin of the Atomic Scientists, sediada na Universidade de Chicago. Inscrições no www.faap.br. Informações pelo pos.atendimento@faap.br ou 11-3662-7449.