Ditadura é foco de livro póstumo de Luiz Octavio de Lima

A Editora Planeta lança em 31/3 o livro Os anos de chumbo, obra póstuma de Luiz Octavio de Lima (ele morreu em 15/1, em São Paulo, aos 60 anos) que traz uma profunda análise sobre o período desde o governo de Jânio Quadros até a instauração da ditadura militar no Brasil. Laurentino Gomes assina o prefácio, e Noam Chomsky é o responsável pelo texto da capa. A preparação é de Tiago Ferro.

O livro apresenta e analisa os acontecimentos político-sociais que desencadearam o golpe de 1964, estabelecendo um comparativo com os dias de hoje e refletindo sobre a “herança” que o período mais repressivo da história do País deixou para as gerações atuais. A obra traz entrevistas com personalidades da época e revisões bibliográficas.

Formado pela PUC-RJ e com MBA em Economia pela Unicamp-Facamp, Luiz Octavio de Lima teve passagens, entre outros, por Folha de S.Paulo, Veja, O Globo, Exame, Época e Estadão. É autor de outros livros, como A Guerra do Paraguai, 21 Grandes batalhas que mudaram o Brasil, Pimenta Neves − Uma reportagem e 1932: São Paulo em chamas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *