Brasil Energia passa por reformulação

A editora Brasil Energia passa por uma reestruturação. A revista Brasil Energia foi desmembrada em duas. A tradicional mantém o título e a pauta de geração, transmissão, distribuição e comercialização de energia elétrica. Acrescenta ainda a cobertura das fontes renováveis, como eólica e solar; os consumidores, com foco em tarifas de energia elétrica e combustíveis; e eficiência energética. A que nasce agora, Brasil Energia Petróleo & Gás, destina-se ao setor de petróleo e gás natural, com foco em exploração e produção (E&P) e refino, tecnologia e fornecedores. Alexandre Gaspari assumiu a chefia de Redação das publicações – ele foi editor-executivo da antiga revista Brasil Energia e está na casa há 13 anos, desde a saída do Jornal do Brasil, em 2000. Felipe Grandin é o editor-executivo da nova Brasil Energia – vem do Jornal da Tarde e era, até então, editor-assistente da área de energia elétrica. Felipe Maciel, o editor-executivo da Brasil Energia Petróleo & Gás, há sete anos na empresa, era editor-assistente da área de petróleo e gás natural. Cinco editores dos produtos jornalísticos da empresa se tornaram seus sócios, entre eles Gaspari, Grandin e Maciel. Os outros são Carla Zacconi – responsável pela revista Brasil Energy e newsletter diária Brasil Energy Daily, na empresa desde 2004 – e Roberto Francellino, editor do portal EnergiaHoje, de notícias diárias, na Editora Brasil Energia desde 2003. Rosely Máximo já era sócia e se mantém como editora dos guias de negócios (petróleo e gás e energia), dos anuários (Cenários Petróleo e Gás e Energia) e dos mapas (Exploração e Produção, Refino, Gás Natural, Energia Elétrica e Fontes Renováveis), bem como do Banco de Dados Brasil Energia.