SindJors e Fenaj repudiam decisão de fechar exposição de cartunistas gaúchos

Exposição foi marcada por muitos protestos contra o governo do presidente Jair Bolsonaro – Crédito: Latuff

O Sindicato dos Jornalistas do RS e a Fenaj repudiaram em nota a posição do vereador Valter Nagelstein (MDB), que pediu o fim da exposição de cartuns Independência em Risco, na Câmara Municipal de Porto Alegre. A mostra, inaugurada em 2/9, contém críticas ao governo Bolsonaro. 

De acordo com a nota, a “solicitação do vereador emedebista à presidenta do Legislativo da capital, Mônica Leal (PP), imediatamente acatada por ela, é de clara censura e, por isso, absurda e inaceitável”. 

Para a vereadora, não é possível tolerar a presença da exposição na Câmara, pois este seria um espaço voltado para obras de arte, com valores culturais, históricos e não ofensivas. “Nenhum tipo de exposição ofensiva, na minha gestão, vai fazer parte do saguão em frente ao plenário”, destacou. 

Com organização da Grafar, a exposição reúne obras de Edgar Vasques, Santiago, Vecente, DóroEliasAlexandre BeckAlisson AffonsoBierBruno Ortiz, Edu, Eugênio, Gui MoojenHalsKayserKoostelaLatuffNikSchroder e Uberti.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *