Sete organizações da sociedade civil lançaram nesta terça-feira (20/4) o site transparenciavacina.org.br, para divulgar informações sobre a vacinação contra a Covid-19 e pressionar o governo a disponibilizar dados confiáveis e acessíveis à população.

A página é parte da campanha Caixa Aberta, que reivindica transparência do Ministério da Saúde sobre o enfrentamento da pandemia. A iniciativa foi criada pela Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji) e pelas organizações Open Knowledge Brasil, Transparência Brasil, Transparência Internacional − Brasil, Observatório Covid-19 BR e Rede de Pesquisa Solidária em Políticas Públicas e Sociedade. O projeto tem apoio e supervisão do Laboratório Anticorrupção da Purpose e foi endossado por mais de 50 entidades.

O site mostra para os usuários quais dados e informações são divulgados pelo Ministério da Saúde e quais são os que deveriam ser de conhecimento público, mas não estão acessíveis ou disponíveis. Nestes últimos, as pessoas são convidadas a clicar em um botão e “pressionar o governo” para que divulgue a informação. Elaborada por uma equipe de especialistas em políticas públicas, transparência e saúde, a página mostra perguntas frequentes sobre a vacinação, como dúvidas a respeito do calendário de aplicações ou a distribuição de doses pelo País.

Nicole Verillo, gerente de Incidência Anticorrupção da Transparência Internacional – Brasil, declarou que “a falta de dados disponíveis sobre a vacinação contra a Covid-19 não é surpresa, considerando o histórico da atual administração federal, que vem adotando medidas para reduzir a transparência das informações públicas. Disponibilizar de forma fácil, ágil e completa as informações sobre a vacinação é fundamental não só para a população saber quando será vacinada, mas também para que possa acompanhar esse processo, reduzindo as possibilidades de descumprimento do cronograma”.

 

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments