Band veta redução de salário de PJs que ganham até R$ 10 mil

Johnny Saad

Johnny Saad, presidente do Grupo Bandeirantes, vetou o corte de 25% no salário de trabalhadores que ganham até R$ 10 mil prestando serviços como pessoa jurídica (PJ). O grupo inclui repórteres, apresentadores, produtores e editores. Profissionais cujo salário é maior a esse valor, sofrerão o corte de 25%. A redução havia sido anunciada na semana passada, mas agora foi barrada pelo presidente.

Segundo o colunista Flávio Ricco, do UOL, Saad considerou que não seria justo tomar tal medida com os profissionais que estão colocando a própria vida em risco, além da de seus familiares, em nome da emissora, para apurar notícias sobre o coronavírus.

Com dívidas e faturamento com patrocínios em queda, os impactos econômicos gerados pela pandemia agravaram ainda mais a crise na Band e fizeram o setor financeiro decretar os cortes de salários, conforme previsto na MP 936. Jonny Saad, porém, vetou e decidiu atrasar o pagamento de parcelas das dívidas da emissora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *