A Honda anunciou os vencedores da primeira edição do Concurso de Jornalismo: Trânsito Seguro. A iniciativa tem como objetivo reconhecer reportagens que elevem a consciência de responsabilidade coletiva, e promovam a mudança de comportamento de condutores, pedestres e demais participantes do trânsito. Foram premiados três trabalhos, nas categorias Texto, Vídeo e Áudio, cada um contemplado com o valor de R$ 18 mil.

“Estamos satisfeitos com o resultado da primeira edição do concurso, pois entendemos que essa é uma importante plataforma para fomentar um diálogo contínuo sobre essa temática”, exalta Pedro Rezende, gerente-geral de Relações Públicas da Honda. “Agradecemos a todos os profissionais que, como a Honda, se propuseram a abordar esse tema tão essencial de forma objetiva, criativa e com verdadeiro potencial de impacto para mudança de comportamento no trânsito no Brasil”.

Confira a relação dos vencedores Concurso de Jornalismo: Trânsito Seguro:

Áudio

Reportagem: A luta por sobrevivência do Brasil que anda de moto
Publicação: Podcast Vós Social
Autores: Flávia Cunha, Geórgia Santos e Tércio Saccol

Primeiro de uma série de quatro episódios que mostraram como a Covid-19 impactou a vida dos trabalhadores brasileiros, falou sobre o trabalho dos motofrentistas e entregadores de delivery. Para diminuir o contato entre as pessoas, serviços de delivery e compras online ganharam força desde o início da pandemia. Com isso, cresceu o número de profissionais trabalhando sobre duas rodas no Brasil.

“Como um veículo independente, sempre mantemos o foco do nosso olhar para os direitos humanos, o respeito às diferenças, o senso de coletividade e a empatia”, explica Tércio. “Assim, falar de trânsito seguro ou mobilidade é olhar para um assunto que envolve histórias, diálogos, realidades e vidas. Receber o prêmio foi importante porque nos ajuda a dar continuidade ao jornalismo interpretativo e analítico que nos propusemos a fazer. Ficamos felizes ao ver a Honda reconhecer um olhar distinto para o debate sobre o trânsito e a mobilidade e estamos honrados de entrar para a história do prêmio mantendo as nossas identidade e essência”.

Texto

Reportagem: Década de velocidade em queda reduz mortes no trânsito de SP
Publicação: Folha de S.Paulo
Autores: Arthur Rodrigues e Thiago Amâncio

Publicada em fevereiro deste ano, a reportagem inaugurou uma série sobre segurança no trânsito, veiculada no caderno Cotidiano da Folha de S.Paulo. A reportagem analisou o impacto da redução de velocidade nas ruas de São Paulo ao longo da última década, com dados e gráficos que mostram uma queda significativa nos acidentes na Avenida Paulista, uma das principais e mais movimentadas vias da capital paulista.

“A segurança é assunto prioritário em um país onde mais de 30 mil pessoas morrem no trânsito por ano, que é também a maior causa de mortes entre jovens”, comenta Thiago. “Por isso, a iniciativa do prêmio é importantíssima, e eu me sinto mais que honrado em fazer parte dos ganhadores da primeira edição. É preciso colocar o tema da segurança no trânsito em primeiro plano, e o prêmio cumpre muito bem este papel”.

Vídeo

Reportagem: O perigo do ponto cego no trânsito
Publicação: EPTV 1 Campinas
Autor: Eduardo Bezerra Rodrigues

Reportagem com foco em serviço, mostrou a importância de redobrar a atenção nos chamados “pontos cegos” dos carros para evitar acidentes graves no trânsito, em especial, com motociclistas como vítimas. Em uma área controlada, a equipe de reportagem simulou situações e deu dicas valiosas para evitar esse tipo de situação no trânsito.

“Assim como tantos assuntos que dão um chacoalhão na gente, falar sobre trânsito na mídia também ajuda a salvar vidas”, destaca Eduardo. “Esse é um ponto que leva a sociedade a despertar sobre o nosso papel nessa construção coletiva que é o trânsito nas cidades. Ver a minha equipe premiada com essa reportagem só reforça o quanto a informação detalhada tem valor, o quanto o serviço à sociedade vale a pena por meio do jornalismo. Estamos muito contentes com esse reconhecimento, ainda mais em um tempo tão desafiador para o trabalho da imprensa, cheio de ataques e intolerância aos jornalistas que fazem o trabalho de rua”.

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments