Google irá simplificar diretrizes de conteúdo para editores

O Google anunciou que padronizará a maneira como apresenta as políticas de conteúdo aos editores, em um esforço para simplificar suas restrições e processos. A ideia é deixar as regras, regulamentos, termos e condições mais fáceis e simples, para que os publicadores tenham total entendimento de como funcionam ferramentas como AdSense, AdMob e Ad Manager.

A partir deste mês, os editores de conteúdo começarão a ver atualizações no novo formato, já com esboços mais claros, baseados nos tipos de conteúdo e locais em que o Google não permite ou restringe publicidade, por exemplo.

Dados da gigante de tecnologia informam que no ano passado mais de 700 mil editores e desenvolvedores de aplicativos, e 28 milhões de páginas, foram removidos da rede de anunciantes e anúncios por violarem as políticas de publicação.

“Os editores não receberão uma violação da política por tentarem gerar receita com esse conteúdo, mas apenas alguns anunciantes e produtos de publicidade — aqueles que escolhem esse tipo de conteúdo — farão lances”, escreveu Scott Spencer, diretor de anúncios sustentáveis, em um post. “Como resultado, o Google Ads não aparecerá nesse conteúdo e receberá menos publicidade do que o conteúdo não restrito”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *