O Senado australiano aprovou nesta quinta-feira (25/02) a nova lei de mídia que obriga empresas de tecnologia a pagarem pelo conteúdo jornalístico compartilhado em suas plataformas. É a primeira lei no mundo que regulamenta as plataformas digitais.

A nova regulamentação entra em vigor após semanas de tensão, negociações e até mesmo declarações de guerra entre gigantes como Facebook e Google e o primeiro-ministro da Austrália Scott Morrison.

Apesar de a nova lei de mídia defender e valorizar o trabalho da imprensa, especialistas acreditam que o governo cedeu em alguns pontos importantes, “favorecendo”, de certa forma, as empresas de tecnologia, pois a versão final do texto não impede que Facebook ou Google, por exemplo, removam notícias caso não cheguem a acordo com as empresas jornalísticas no futuro.

Austrália

A aprovação é apenas mais um passo na longa história que promete mudar o relacionamento entre as plataformas digitais e o jornalismo em todo o mundo, não apenas na Austrália. Outros países aceleram seus planos de implantar novas leis, como o Reino Unido e o Canadá.

Na União Europeia, a Microsoft anunciou uma aliança com veículos jornalísticos para garantir que eles sejam remunerados pelo uso do conteúdo que produzem, em moldes semelhantes à lei de mídia australiana.

Leia mais sobre o assunto em MediaTalks by J&Cia.

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments