22.5 C
Nova Iorque
quinta-feira, agosto 5, 2021

Buy now

Abraji registra 40 profissionais de imprensa bloqueados por autoridades públicas no Twitter

A Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji) divulgou nesta terça-feira (27/10) os resultados de um monitoramento iniciado este ano para detectar quantos profissionais de imprensa foram bloqueados por perfis de autoridades públicas nas redes sociais. Segundo o levantamento, já são 40.

O número total de bloqueios registrados é de 81, pois um repórter pode ser impedido de acompanhar mais de uma pessoa em cargo público. A Abraji mapeou os bloqueios e detectou que os mais afetados trabalham em veículos de São Paulo (20), seguidos por Rio de Janeiro (10), Distrito Federal (6) e Minas Gerais (1).

O PL das Fake News prevê a proibição dessa prática de bloquear pessoas por parte de agentes dos governos federal, estadual e municipal. O artigo 18 do projeto de lei diz que são de interesse público “as contas de redes sociais utilizadas por entidades e órgãos da Administração Pública, direta ou indireta, e dos agentes políticos cuja competência advém da própria Constituição, especialmente detentores de mandatos eletivos dos Poderes Executivo e Legislativo da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios”.

Veja mais no site da Abraji.

Related Articles

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
22,043FãsCurtir
2,887SeguidoresSeguir
18,100InscritosInscrever

Últimas notícias