ABI condena pedido de inquérito contra Ricardo Noblat e Renato Aroeira

O ministro da Justiça, André Luiz Mendonça, anunciou nessa segunda-feira (15/6) um pedido à Polícia Federal e à Procuradoria Geral da República (PGR) para investigar uma charge produzida pelo cartunista Renato Aroeira, e compartilhada por Ricardo Noblat.

O desenho mostra o presidente Jair Bolsonaro após terminar de transformar em uma suástica a cruz vermelha de um hospital, acompanhado da seguinte frase: “Bora invadir outro?”.

Em nota, a Associação Brasileira de Imprensa afirmou que Noblat e Aroreira contam, neste momento, com defesa incondicional da entidade. “É estarrecedor que o ministro da Justiça, André Luiz Mendonça, anuncie a abertura de um inquérito policial contra o chargista Aroeira e o colunista Ricardo Noblat, devido a uma ilustração criada pelo primeiro e reproduzida pelo segundo, associando Bolsonaro ao nazismo”, afirma a nota assinada pelo presidente, Paulo Jerônimo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *