Ignácio de Loyola Brandão é eleito para a Academia Brasileira de Letras

Ignácio de Loyola Brandão

O escritor e jornalista Ignácio de Loyola Brandão foi eleito em 14/3, por unanimidade, para a cadeira n º 11 da Academia Brasileira de Letras (ABL). Ele entra na vaga que era do jurista e sociólogo Hélio Jaguaribe, falecido em setembro do ano passado.

Loyola começou a carreira de jornalista aos 21 anos, no jornal Última Hora, tendo passado ainda pelas revistas Claudia, Realidade, Setenta, Planeta, Ciência e Vida, Lui e Vogue. Com vasta produção literária desde a década de 1980, foi traduzido para diversas línguas. Recebeu, entre outros prêmios literários, o Jabuti e o Machado de Assis, este pela própria ABL. Atualmente, publica uma crônica quinzenal no jornal O Estado de S. Paulo.

Os demais concorrentes à vaga eram Eloi Angelos Ghio D’Aracosia, Placidino Guerrieri Brigagão, José Roberto Guedes de Oliveira, Remilson Soares Candeia, José Itamar Abreu Costa, Marilena Barreiros Salazar, Raquel Naveira, Felisbelo da Silva, Sérgio Caldeira de Araújo, Rodrigo Cabrera Gonzales e Lucas Menezes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *