Rafael Miotto, do G1, leva categoria principal do Abraciclo de Jornalismo

Vencedores Abraciclo

A reportagem De moto no Himalaia: como é rodar no topo do mundo, de Rafael Miotto, para o portal G1, venceu o Prêmio Abraciclo de Jornalismo 2017. Para a produção do especial, ele viajou à Índia e rodou durante sete dias por estradas na região de Ladakh, com mais de cinco mil metros de altitude. Pelo trabalho, Rafael recebeu o prêmio principal, de R$ 15 mil.

O anúncio foi feito em 13/11, durante o Salão Duas Rodas, em São Paulo. Nas categorias regulares, os prêmios foram para:

Moto – Digital

  • Vencedor:Roberto Agresti, para o UOL, com Quer começar a andar de moto? Veja 5 coisas básicas que você deve aprender.
  • Destaque:Cicero Lima, da Agência Infomoto, com a matéria Mulheres ignoram machismo e viajam o mundo com qualquer tipo de moto.
  • Menção honrosa:Samuel Straiotto, do Diário de Goiás, com a reportagem Cansaço e imprudência deixam sequelas na vida de motociclistas.

Moto – Impresso

  • Vencedor:José Antonio Leme, do Jornal do Carro/Estadão, com a matéria Das quatro para as duas rodas.
  • Destaque:Felipe Boutros, do jornal O Tempo, com Capacete exige uso correto.
  • Menção honrosa:Carlãozinho Coachman, da coluna Motostory na Revista Motociclismo, com a matéria Nossas origens: os primeiros personagens a marcarem época no motociclismo brasileiro.

Moto – Som & Imagem    

  • Vencedor: Karina Simões, para a TV Webmotors, com a matéria Dicas para pilotar um scooter.
  • DestaqueLuanna Cristine Feitosa, da TV Justiça, com a reportagem Os riscos da profissão e as normas trabalhistas dos motoboys.
  • Menção honrosa: Patricia Maria Alves e Ricardo Chicarelli, da Folha de Londrina, com Rota do café: uma aventura em duas rodas pelo Norte Pioneiro do Paraná.

Bicicleta

  • Vencedor:Elvis Pereira e Rafael Balago, para a Folha de S.Paulo, pela reportagem Dois anos e  muita tinta depois.
  • Destaque:Rafael Balsemão, de Zero Hora, com 1 mês, 2 rodas.
  • Menção honrosa:Ramon de Souza, do portal Tecmundo, com a matéria Vale a pena comprar uma bike elétrica que custa o preço de uma moto?.

PIM – Polo Industrial de Manaus

  • VencedorAdneison Severiano e Leandro Tapajós, do G1 Amazonas, com Enfrentando a crise, Polo Industrial de Manaus faz 50 anos e busca caminhos.
  • Destaque: Novamente Leandro Tapajós, para o G1 Amazonas, com De bermuda e capacete, PMs também usam bicicletas no combate ao crime em Manaus: ‘É um estímulo’, diz soldado.
  • Menção honrosaJosé Augusto Souza, para a TV A Crítica, com a matéria Mulheres invadem mercado de motocicleta.

O primeiro colocado em cada uma das cinco categorias recebeu, além do troféu, o valor de R$ 7 mi, enquanto os destaques e menções honrosas levaram, respectivamente, R$ 3 mil e R$ 2 mil, além de placas comemorativas. Integraram a comissão julgadora desta edição Priscila Dal Poggetto, Caio Moraes, Gustavo Ruffo, Jorge Tarquini e Ricardo Ribeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *