Poucos sabem…

Padre Roberto Landell de Moura

* Por Hamilton Almeida

O dia de hoje (16/7) marca o aniversário de um evento extraordinário na história do rádio, das telecomunicações. Há 121 anos, na manhã de domingo de 16 de julho de 1899, o padre gaúcho Roberto Landell de Moura realizou a primeira transmissão de voz por ondas de rádio no mundo.

Onde? Por incrível que possa parecer, Padre Landell fez suas primeiras experiências de rádio na cidade de São Paulo. Mais especificamente do prédio do atual Colégio Santana, na zona norte, para outros pontos e até para a Avenida Paulista, distante 8 km em linha reta.

Padre Landell organizou tudo muito bem. Convidou cientistas, empresários, a imprensa e até o cônsul britânico, Percy Charles Parmenter Lupton, para conhecer a grande novidade.

Até então, o mundo convivia, na área das comunicações, com relativamente poucas opções: jornais e revistas impressos, além do telégrafo e do telefone com fio (telefone fixo é a denominação atual).

O início da era wireless, no final do século XIX, transformou a humanidade para sempre, deixando para trás não só a infraestrutura de fios e cabos, mas os limites das distâncias, chegando às comunicações interplanetárias – algo previsto por Landell.

A barreira começou a ser vencida pelo italiano Guglielmo Marconi, com suas transmissões de telegrafia sem fio (desde 1895) emitindo sinais em código Morse. O passo adiante foi dado pelo Padre Landell ao colocar a voz em ondas eletromagnéticas!

No início do século XX, o padre-cientista patenteou o rádio no Brasil e logo nos Estados Unidos. Em que pese toda a sua genialidade e pioneirismo, não recebeu por parte da sociedade brasileira nenhum apoio para desenvolver e comercializar aquela que seria batizada de “a mídia de maior penetração no planeta”.

O resultado todos já sabem. Com o tempo, a sua invenção seria inventada por outros cientistas e o Brasil estaria fadado a ser um importador daquela moderna tecnologia de telecomunicações.

Até hoje, Padre Landell não é reconhecido oficialmente pelos méritos científicos que inegavelmente soube conquistar.

-*-*-*-*-

* Hamilton Almeida é jornalista e autor da biografia Padre Landell de Moura – Um herói sem glória.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *