Marcela Temer desiste de ação contra Folha e O Globo

Marcela Temer desistiu de mover ação contra Folha de S.Paulo e O Globo por causa de reportagens sobre uma tentativa de extorsão que ela sofreu. Em conversas no aplicativo WhatsApp, um hacker ameaçava “jogar na lama” o nome do presidente do Brasil, Michel Temer.

Segundo O Globo, o advogado responsável pelo caso, o subsecretário de assuntos jurídicos da Presidência Gustavo do Vale Rocha, afirmou apenas que não há mais “objeto” do processo.

As matérias foram retiradas dos sites das publicações após intimação expedida em 13 de fevereiro. O juiz Hilmar Castelo Branco Raposo Filho, da 21ª Vara Civel de Brasília, estabeleceu uma penalidade de R$ 50 mil por dia a ambos os jornais caso não cumprissem a decisão.

No entanto, apenas dois dias depois, o desembargador Arnaldo Camanho de Assis, do Tribunal de Justiça do Distrito Federal, aceitou  recurso interposto pela Folha e suspendeu a censura sobre o jornal. Na decisão, Assis escreveu que não cabe a um órgão estatal, como o Poder Judiciário, estabelecer de antemão “o que deva e o que não deva ser publicado na imprensa”. No dia 15, a matéria voltou ao ar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *