João Luiz Vieira

    0
    3231

    João Luiz Vieira nasceu em Recife/PE. Formado em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco e pós-graduado com especialização em Políticas Culturais pela Fundação Joaquim Nabuco, PE, iniciou a carreira como redator em 1989 em duas agências da capital pernambucana: Cia de Propaganda e Talento.

    Já escreveu sobre quase tudo, mas na trajetória focou principalmente em perfis e matérias de comportamento.

    Jornalista multiplataforma, já passou por revistas mensais (Marie Claire, editor de variedades, e Top Magazine, diretor de redação, semanais (Época, Quem Acontece – ambas como editor-assistente), jornais (Folha de S.Paulo, Estado de S.Paulo – em ambos como subeditor das colunas sociais, sendo que neste último também editou o site ‘E+’, de celebridades) e portais (Terra, editor executivo, e IG, breve passagem como colunista de TV). Desenvolve argumentos, sinopses e roteiros, além de dirigir o site ‘paupraqualquerobra’.

    Acompanhando a trajetória desde que deixou as agências, João Luiz passou em 1991 para a reportagem nas editorias de política, economia, geral, esportes e cultura do jornal Correio de Jaboatão, em Jaboatão dos Guararapes/PE, onde ficou até 1992.

    Após uma curta passagem pela reportagem da Veja 28 Graus (revista regional que circulava nos estados de PE, PB, AL, RN), o jornalista foi convidado para ser repórter-sênior do Caderno C (de Cultura) do Jornal do Commercio, de Recife/PE, entre 1992 e 1998. Nesse período foi sócio da agência Officina de Texto e repórter da Interplus Magazine, revista sediada em Miami (EUA) que mostra notícias políticas, econômicas, culturais das cidades nordestinas, que possam despertar o interesse da comunidade brasileira que vive nos Estados Unidos.

    Entre 1998 e 2003 exerceu o cargo de editor assistente da revista Época, em São Paulo/SP, passando em seguida pela revista Quem Acontece, no mesmo cargo. No ano seguinte foi diretor de jornalismo da revista Top Magazine, na capital paulista.

    Entre 2004 e 2006 João Luiz foi editor-assistente da Folha de S.Paulo, especificamente da coluna de Monica Bergamo, passando em seguida para editor de variedade, capa e cultura da revista Marie Claire, onde ficou até 2009.

    Em 2010 o jornalista foi gerente de conteúdo do portal Terra, passando em 2011 para a função de editor-assistente da coluna Direto da Fonte, do jornal O Estado de S.Paulo.

    Em fevereiro de 2012, assumiu o posto de editor do site da revista Brasileiros, priorizando uma novidade para a época: uma participação maior do leitor e um agregador de conteúdo para mídias sociais. O modelo interativo trazia o nome de ‘enquetes’.

    Ainda no Grupo Estado passou a editor do site E+, de celebridades, que em dezembro de 2012 foi descontinuado. João Luiz que há sete meses estava no cargo, deixou a casa.

    Em junho de 2014 segue desenvolvendo argumentos, sinopses e roteiros, além de dirigir o site paupraqualquerobra. O ser humano e o que o move é sempre será sua ferramenta de trabalho.

     

     

    Atualizado em junho de 2014 – Portal dos Jornalistas

    Fontes:

    Site: paupraqualquerobra.com.br

    Informações iniciais passadas pelo Jornalista.

    Atualização: Jornalistas&Cia Edição 834 e J&Cia junho/2014