Globo repatria quatro de seus correspondentes internacionais

Voltam ao País André Luiz Azevedo, Helter Duarte, Renato Machado e Roberto Kovalick

 

A TV Globo pôs em marcha nos últimos dias um pacote de mudanças no seu núcleo de correspondentes internacionais, conforme anunciou em setembro. Com isso, regressam ao Brasil quatro dos profissionais que mantém no exterior, casos de André Luiz Azevedo (de Lisboa), Helter Duarte (de Nova York), Renato Machado (de Londres), que deixa simultaneamente o Bom Dia Brasil, em que já vem atuando há quase 20 anos, e Roberto Kovalick (também de Londres).

Conforme o anúncio de setembro, Machado fará reportagens para o Globo Repórter e sua vaga em Londres não será preenchida. Cecília Malan, que permanece em Londres, passa a acumular as funções. Kovalick vai trabalhar em São Paulo. Em Londres, sua vaga se desdobra: Ernani Lemos assume a coordenação do escritório e Pedro Vedova, a reportagem. Vedova estava em Berlim e deve ser substituído, mas o nome ainda não foi anunciado. Da mesma forma que Azevedo em Lisboa. Helter será substituído por Sandra Coutinho, que já estava em Nova York, mas pela Globo News. Neste canal, a vaga dela será ocupada por Michele Marinho, atualmente editora de Internacional no Rio.