Editora Abril promove mudanças na estrutura editorial e no modelo comercial 

Empresa passa a operar com três unidades e vende para Caras os títulos Anamaria, Arquitetura & Construção, Contigo, Placar, Tititi, Você RH e Você S/A. Sindicato dos Jornalistas fala em 30 demissões e convoca assembleia Em comunicado distribuído na tarde desta 3ª.feira (2/6), a Editora Abril anunciou mudanças na estrutura editorial e no modelo comercial, “com o objetivo de operar mais simplificadamente e ao mesmo tempo atuar mais próxima às necessidades do mercado”. A última grande mexida na empresa foi em agosto de 2014, “Ao criar esse novo posicionamento, a Abril passa a atender, de maneira mais adequada, às novas demandas de mercado: uma empresa mais digital, especialista na produção de conteúdo editorial e de marketing, e com um atendimento comercial orientado aos anunciantes”, diz trecho da nota. “Nossos valores não mudam, continuamos acreditando nos mesmos princípios que construíram nossa credibilidade, mas chegou a hora de mudar o modo de operar. Estamos adotando um novo posicionamento perante o mercado, com foco nas necessidades atuais dos anunciantes, que vêm exigindo mais agilidade e, sobretudo, flexibilidade de formatos e mídias para chegar a resultados mais eficientes de negócio”, disse na notao presidente da empresa Alexandre Caldini. A editora passa a operar com três unidades: Conteúdo, Marketing e Receitas, que respondem diretamente a Caldini. A linha editorial segue ligada ao Conselho Editorial, formado por Victor Civita Neto (presidente), Thomaz Souto Corrêa (vice-presidente), José Roberto Guzzo, Giancarlo Civita e Eurípedes Alcântara.   Unidade de Conteúdo    A liderança da Unidade de Conteúdo será ocupada interinamente por Victor Civita Neto, a quem responderão os diretores editoriais Eurípedes Alcântara (Veja), André Lahoz (Exame), Paula Mageste (Femininas, que engloba as marcas Boa Forma, Capricho.com, Casa Claudia, Claudia, Cosmopolitan, Elle, Estilo e M de Mulher) e Alecsandra Zapparoli (Lifestyle, com Brasil Post, Elástica, Guia do Estudante, Info.com, Men’s Health, Mundo Estranho, National Geographic, Playboy, Quadrinhos, Quatro Rodas, Saúde, Superinteressante, Veja SP, Veja Rio, Viagem e Turismo, VIP e Women’s Health).  Com as mudanças, a Abril indica dois movimentos importantes e estratégicos: os diretores editoriais passam a se concentrar exclusivamente no seu papel de produção de conteúdo editorial e nas relações entre as marcas e suas comunidades; e todas as redações da Abril passam a trabalhar com total convergência na produção de conteúdo on e offline, em diversos formatos de texto, audiovisual e eventos. Ainda na unidade de Conteúdo, criou-se o Estúdio ABC – Abril Branded Content, cuja direção será acumulada por Edward Pimenta, diretor de Apoio Editorial. O estúdio atuará na coordenação, atendimento e produção de conteúdos customizados, como native advertising ou qualquer outro tipo de content marketing, em todos os formatos, incluindo uma estrutura exclusiva para produção de vídeos.   Unidade de Marketing    A Unidade de Marketing será comandada por Tiago Afonso, que assume a posição de diretor de Marketing, com a responsabilidade de gerenciar o portfólio de marcas e produtos e identificar tendências de mercado. Respondendo a ele estarão os gestores das marcas e as áreas de Informações para o Mercado, Abril Big Data (ABD) e Serviços de Marketing e Eventos.   Unidade de Receitas    As maiores mudanças acontecem na Unidade de Receitas, que controla todo o faturamento da editora (publicidade, assinaturas, vendas avulsas, e-commerce, digital e eventos). Ela será comandada por Rogério Gabriel Comprido, que assume como diretor Comercial. Gabi, como é conhecido, terá no seu time duas lideranças: Virginia Any e Dimas Mietto. Virginia será responsável pela receita publicitária da Abril, assumindo a posição de diretora de Vendas de Publicidade. Respondem a ela gestores focados nos seis principais segmentos de mercado – Bens de Consumo; Financeiro; Moda, Decoração e Construção; Saúde, Educação, Cultura, Lazer e Esporte; Tecnologia, Serviços Públicos e Sociais; Transporte e Mobilidade; além dos escritórios regionais e da área internacional. Cada um desses gestores de segmento tem por missão conhecer profundamente o setor, seus desafios e seus principais players. A ideia, segundo a nota, é que a Abril, conhecendo as necessidades desses clientes, possa atendê-los de forma diferenciada, flexível e, sobretudo, eficiente, em diversos formatos, mídias e linguagens. Dimas passa a diretor de Vendas para Audiência, responsável por toda a receita originária dos consumidores Abril e pelas áreas de Assinaturas, Vendas Avulsas, Venda de Acervo e e-commerce. Continuam a responder a ele todos os diretores dos canais de assinaturas, além de dois gestores responsáveis por vendas avulsas.    Digital & Mobile e Casa Cor   A área Digital & Mobile permanece ligada diretamente a Alexandre Caldini e sob o comando de Sandra Carvalho, que tem como missão garantir a execução da estratégia digital e apoiar tecnicamente a produção e a distribuição de conteúdo para clientes. Também Casa Cor segue respondendo diretamente ao presidente, com Lívia Pedreira à frente do negócio.   Mudanças em marcas   Algumas marcas do portfólio da empresa foram reposicionadas e outras vendidas. Exame PME é incorporada a Exame, que reforça em seu editorial a presença de negócios do segmento de pequenas e médias empresas, bem como empreendedorismo. O mesmo ocorre com o Guia Quatro Rodas, que terá seu conteúdo incorporado às marcas Viagem e Turismo, Veja São Paulo e Veja Rio. A marca Capricho passa a atuar exclusivamente no ambiente digital, consolidando sua posição de maior provedora de conteúdo jovem feminino do mundo. Os títulos Anamaria, Arquitetura & Construção, Contigo, Placar, Tititi, Você RH e Você S/A foram vendidos à Editora Caras. Embora a empresa não faça referência a cortes em função dessas mudanças, o Sindicato dos Jornalistas de São Paulo fala em 30 demissões com o fechamento das redações de Guia Quatro Rodas e Exame PME e da transferência de outros 60 profissionais para Caras. A entidade convocou os jornalistas da Abril à sua sede (rua Rego Freitas, 530, sobreloja) para discutirem a questão em assembleia às 18h30 desta 3ª.feira (2/6).