Abril reserva R$ 10 milhões para pagar parte das verbas rescisórias

A Abril anunciou nessa quarta-feira (12/9) que vai fazer até o próximo dia 17 de setembro o pagamento parcial das verbas rescisórios dos funcionários desligados em agosto. O comunicado da empresa diz que “no total, serão destinados cerca de R$ 10 milhões, que permitirão quitar até 70% do saldo que cada um dos 804 funcionários tem a receber, limitado a R$ 15.000.  Desta forma, 330 ex-colaboradores receberão acima de 50% de suas verbas rescisórias devidas”.

Segundo o comunicado, a que este Portal dos Jornalistas teve acesso, o restante dos valores devidos será pago conforme definido no plano de recuperação judicial a ser apresentado aos credores. “Os recursos que propiciam o pagamento são provenientes de adiantamentos de receitas publicitárias fechados pela companhia e refletem a credibilidade da marca Abril e de seus produtos junto ao mercado anunciante”, diz a nota, reiterando “o compromisso com os ex-funcionários, que tiveram suas homologações trabalhistas concluídas em 31/8, data em que foram liberadas as chaves para a retirada do FGTS, bem como para a entrada do pedido de seguro-desemprego”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *