Reformulação na Folha atinge colunas de Josias e Dimenstein

A reestruturação quem vem sendo feita nas últimas semanas pela Folha de S.Paulo, também provocou a mudança de dois importantes nomes do jornal: Josias de Souza e Gilberto Dimenstein deixam de escrever para o jornal impresso, mas permanecem como colunistas regulares, respectivamente em UOL e Folha.com. Sobre a mudança, em seu artigo de despedida, na edição do último domingo (27/11), Dimenstein relata o quanto o trabalho e o espaço na Folha foram importantes na sua trajetória e nas descobertas que fez nos vários campos do saber; e ao final faz um agradecimento especial ao diretor de Redação do jornal Otávio Frias Filho, lembrando que se não fosse ele, disposto a apoiar tantas experiências por tanto tempo, ?eu não teria tantas histórias para contar”. Dimenstein participa atualmente de uma incubadora de projetos em Harvard, onde deve permanecer até o final de 2012, e desenvolve em São Paulo um projeto no campo do jornalismo comunitário, em parceria com o Media Lab (MIT). Josias, que, a exemplo de Elvira Lobato, começou na Folha em 1984, é o titular do blog Bastidores do poder. No jornal impresso ocupou inúmeras funções, de repórter a secretário de Redação e é autor de A história real (Ática), em coautoria com o próprio Dimenstein. Outras mudanças ? O jornal desativou o posto de correspondente em Santos e o atual titular, Felipe Caruso, saiu. Também deixaram o jornal Juliana Rocha, de Mundo, e Patrícia Buniarti, da Arte. Roberto Kaz, da Ilustrada, saiu a pedido, para ser editor-assistente da revista semanal de O Globo e voltar a morar no Rio, onde nasceu. Guilherme Genetreti, de Equilíbrio, foi transferido para a revista sãopaulo. Flávia Mantovani, que era editora-assistente da mesma revista sãopaulo, aproveitou a onda de cortes e saiu a pedido, para temporada de estudos na Espanha (Projeto Balboa). A terceirização dos altos salários, de que tanto se falou, foi pontual. Do Agora São Paulo saíram Daniel Tremel (do Online), Janaína Nunes (da coluna Olá) e Sérgio Carvalho, editor de Fotografia, os dois últimos substituídos respectivamente por João Fernando e Otávio Valle. Da sucursal Brasília saíram Larissa Guimarães e Eduardo Cucolo (este a caminho do Estadão).