12.9 C
Nova Iorque
quinta-feira, abril 15, 2021

Buy now

Rádio Estadão despede-se da AM

Espaço no dial será ocupado pela Igreja Internacional da Graça de Deus

 

O Grupo Estado anunciou a saída da Rádio Estadão da frequência AM 700 KHz. A partir de agora, vai concentrar-se em FM com a própria Rádio Estadão (92,9 MHz) e a Eldorado (107,3 MHz). A empresa negociou a cessão do espaço, que passará a ser ocupado, já a partir de 2ª.feira (25/5), pela Igreja Internacional da Graça de Deus. Não foram revelados os valores.

No comunicado distribuído, o Grupo Estado informa que “continuará como titular e responsável pela operação” e também que “um segundo acordo entre as organizações dispõe sobre a possível transferência da permissão e da frequência AM, após cumpridas as condições contratuais e aprovação do Ministério das Comunicações” – ou seja, transferência em definitivo da concessão.

À parte a questão econômica, que, embora não citada no comunicado, certamente teve peso relevante na decisão, o Grupo Estado explica que fez a opção de sair da AM porque “tem priorizado investimentos em conteúdos e plataformas digitais destinados a públicos de qualificação diferenciada ou de interesse específico – como o lançamento, semana passada, do novo site móvel para celulares e da recentemente lançada série de aplicativos Viagens do Paladar, entre outros”.

O núcleo de rádio, no Grupo Estado, passou anteriormente por duas importantes mudanças, com vistas a encontrar soluções economicamente viáveis e com maior lucratividade para o negócio. A primeira foi criar a Rádio Estadão e instalá-la no dial no endereço até então consagrado à Eldorado, o FM 92,7 MHz, deslocando esta para a frequência 107,3 MHz.

O segundo movimento, alguns meses depois, foi o acordo comercial com a ESPN, que transformou a rádio em Estadão/ESPN, com esta assumindo toda a parte esportiva da emissora. O acordo durou quase dois anos e acabou desfeito por não gerar os benefícios esperados pelas duas organizações.

Este terceiro movimento concentra a atuação da emissora no chamado segmento premium do mercado de rádio, as FMs. A Rádio Estadão também continuará veiculando seu conteúdo pelo site e pelo aplicativo para smartphones, disponível para os sistemas iOS e Android.

Related Articles

21,803FãsCurtir
2,736SeguidoresSeguir
17,500InscritosInscrever

Últimas notícias