Justiça condena Bolsonaro a indenizar Bianca Santana por falsa acusação de fake news

O juiz César Augusto Vieira Macedo, do Tribunal de Justiça de São Paulo, condenou o presidente Jair Bolsonaro a pagar uma indenização no valor de R$ 10 mil para a jornalista Bianca Santana, após acusá-la de produzir fake news contra ele.

Em maio, Bianca publicou uma matéria na qual questionava a ligação de amigos e familiares de Bolsonaro com o assassinato da ex-vereadora Marielle Franco. O presidente acusou-a de produzir fake news contra ele. Alguns meses depois, ele desculpou-se por citar o nome de Bianca, mas ela seguiu com o processo.

A jornalista declarou que “uma condenação na Justiça, ao presidente da República, que tenha atacado a jornalistas, a liberdade de imprensa e a liberdade de expressão, é uma vitória coletiva importante. Eu espero que abra precedente para outras condenações e que ele pare de atacar a liberdade de imprensa, os jornalistas, as mulheres jornalistas, os movimentos por direitos humanos, o movimento negro e o movimento feminista. É inaceitável que o presidente da República faça esse tipo de ataque à população, à Constituição e aos direitos humanos”. Se vencer a ação, ela diz que vai doar a indenização para o Instituto Marielle Franco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *