Prêmio Nacional de Jornalismo sobre Violência de Gênero divulga vencedores

A Casa da Mulher Catarina e a Rede Feminista de Saúde, Direitos Sexuais e Direitos Reprodutivos divulgaram os vencedores do Prêmio Nacional de Jornalismo sobre Violência de Gênero, que teve apoio da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República e do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Rio Grande do Sul. A premiação integra a campanha Jornalistas dão um ponto final na violência contra mulheres e meninas e visa a incluir, promover e disseminar o debate sobre relações de gênero, em especial a violência. Os vencedores foram Órfãos da violência doméstica, de Kamila Silva de Almeida (Zero Hora), em Mídia Impressa; Tráfico de mulheres na região da Amazônia, de Gecilene de Aguiar Salles (Rádio Rio Mar/AM), em Rádio, Pedofilia em Coari (AM), de Monica Teixeira Marques (TV Globo), em Televisão, e O inferno das mulheres, de Ricardo Moraes Westin Pimenta (Jornal do Senado), em Outras mídias. O prêmio será entregue no próximo dia 16/5, durante o Seminário Internacional sobre Mídia e Violência de Gênero, em Florianópolis.