Maria Moors Cabot anuncia vencedores de 2019. Brasil não leva nenhum troféu

A Escola de Jornlismo da Universidade Columbia, de Nova York, anunciou os nomes dos jornalistas agraciados este ano com o prêmio Maria Moors Cabot, uma das mais relevantes distinções a jornalistas nas Américas. Foram contemplados a mexicana Marcela Turati, o cartunista político nicaraguense Pedro Xavier Molina, a repórter norte-americana Angela Kocherga e Boriz Muñoz, editor de opinião venezuelano do The New York Times em espanhol. O site de notícias investigativo venezuelano Armando.Info foi homenageado com uma citação especial. Os profissionais foram escolhidos pela “excelência da carreira e cobertura do Hemisfério Ocidental, o que favorece o entendimento interamericano”.

Uma das mais antigas premiações do mundo, o Maria Moors Cabot já reconheceu ao longo de sua história o trabalho de 36 jornalistas brasileiros, mas não este ano. Em 2018, Fernando Rodrigues, do Poder360, esteve entre os homenageados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *